VÍTIMA de violência doméstica acordou com almofada em coração atravessada com faca na janela do quarto

JUSTIÇA


Por REDAÇÃO
28 outubro 2022 | 17h27

Um homem, 29 anos, foi detido esta quarta-feira, ao final do dia, pela PSP, na freguesia de S. Domingos de Rana, por violência doméstica contra a companheira em cuja janela do quarto da habitação, a partir do exterior, deixou durante a madrugada uma almofada em formato de coração atravessada por uma faca de grandes dimensões.

Para chegar até à janela do quarto da vítima, o suspeito arrombou a vedação da residência.

Ao acordar, de manhã, a vítima deparou-se junto à janela do quarto com a almofada em formato de coração atravessada por uma faca e temendo pela sua vida pediu de imediato ajuda à PSP.

O suspeito e a vítima mantiveram um relacionamento amoroso desde 2018, com coabitação a partir de setembro de 2021, o qual foi pautado por diversos episódios de maus-tratos verbais, físicos e psicológicos, tendo a relação terminado a pedido da vítima em janeiro último.

Inconformado com a separação, o suspeito perseguiu a vítima através de constantes mensagens para o telemóvel, acedeu às suas contas nas redes sociais, rondou a sua residência e o seu local de trabalho, tudo isto no intuito de a contatar para reatar a relação, chegando mesmo a abordá-la, ameaçá-la e a agredi-la, tendo inclusive numa das vezes tentado atropelá-la, embatendo-lhe de raspão.

Submetido a primeiro interrogatório judicial junto do Tribunal de Cascais, acabou por ver aplicada a medida de de coação prisão preventiva.



Sem comentários:

FOI NOTICIA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA