Fuga à polícia em veículo furtado acaba na Cruz Vermelha com detenção de condutor e apreensão de armas de fogo

Segurança

Por Redação

A Polícia suspeita que dois homens, de 24 e 35 anos, detidos esta quinta-feira, de madrugada, um em Varge Mondar, Rio de Mouro, e outro no bairro da Cruz Vermelha, em Alcoitão, no final de uma perseguição a um veículo furtado possam estar envolvidos em assaltos violentos.


No interior da viatura, imobilizada no Bairro da Cruz Vermelha, agentes da Divisão de Investigação Criminal (DIC) da PSP de Lisboa, apoiados pelo piquete da GNR de Alcabideche, encontraram uma espingarda e um revólver.


Tudo começou pelas 3h00 quando os dois homens furtaram um veículo na avenida do Uruguai, em Lisboa.


O facto do veículo estar equipado com um sistema de GPS, permitiu à polícia seguir o seu rasto até à rua Quinta Nova, entre o Linhó e Ranholas, na área da GNR de Sintra.


De seguida, o veículo furtado dirigiu-se para a rua Josefa de Óbidos, em Varge Mondar. Aqui, num estacionamento, os dois homens abandonaram a viatura e entraram numa outra, de igual marca e modelo, que também tinha sido furtada.


Os agentes decidiram, então, cercar o veículo e manietar um dos suspeitos, tendo o cúmplice logrado escapar, encetando uma fuga a alta velocidade.


A fuga só foi travada no Bairro da Cruz Vermelha, em Alcoitão, no concelho de Cascais e na área do dispositivo da GNR de Alcabideche, com a imobilização da viatura e a neutralização do condutor, que foi conduzido, sob detenção, à 3.ª Esquadra de Investigação Criminal (EIC), em Benfica.


Fonte policial não confirmou nem desmentiu, a Cascais24, noticias avançadas pelo JN e pelo CM de que teriam sido feitos disparos para os pneus da viatura, em cujo interior foram encontradas uma espingarda e um revólver.


Já em comunicado divulgado esta quinta-feira, o Comando Metropolitano da PSP de Lisboa (Cometlis) revela que “estão ainda a ser efetuadas outras diligências de investigação”, as quais, apurou Cascais24, visam saber até que ponto os dois suspeitos possam estar envolvidos em assaltos violentos, com recurso a armas de fogo.








Imprimir

Sem comentários:

Publicação em destaque

LIBERAIS exigem compromisso de ministro para a conclusão da ligação da Linha de Cascais à de Cintura até 2027

A Assembleia Municipal de Cascais aprovou, esta segunda-feira, uma moção apresentada pela Iniciativa Liberal (IL) que reitera a necessidade ...

FOI NOTICIA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA