JUSTIÇA. “Três Duques” do Mustang com penas suspensas e uma absolvição

Segurança

Por Redação
Três jovens que, em setembro de 2016, protagonizaram em Cascais uma alucinante e rocambolesca perseguição digna da icónica série “Os Três Duques”, entre o Guincho e a A16, em Alcabideche, num potente “Ford Mustang” alugado por 2.500 euros, foram condenados, esta quinta-feira, a um ano de prisão, suspensa por cinco anos, com um deles a ser absolvido.

Os irmãos Walter e Wilson, de 25 e 27 anos, foram cada um condenado a um ano de prisão, suspensa por cinco anos, e o amigo de ambos, Ricardo, foi absolvido.

Os jovens foram julgados por furto qualificado pelo tribunal singular do Juízo 3 de Instância Local Criminal de Cascais.

Em declarações a Cascais24,
Advogado João Ferreira
o advogado João Ferreira, que defendeu os dois irmãos, considerou ter sido “feita Justiça”, por a “sentença ter ido ao encontro da linha de defesa que traçou" e, também, porque os seus clientes "revelaram arrependimento”.

Os jovens tinham alugado um potente “Ford Mustang” por 2.500 euros para praticar furtos no interior de veículos estacionados na área do Guincho, em Cascais, em setembro de 2016.

Na sequência de um alerta lançado para a central da PSP, uma patrulha móvel veio a cruzar-se com o "Ford Mustang", vermelho, no mexilhoeiro, na Boca do Inferno. O trio estava a regressar do Guincho. Ao avistar o veículo da PSP, o condutor colocou-se em fuga a alta velocidade, primeiro pela avenida 25 de Abril e depois pela avenida Eng.º Adelino Amaro da Costa.



Antes de entrar na A5, o "Mustang" em fuga ainda terá embatido num Smart, cujo condutor não chegou a formalizar queixa.


Com a patrulha móvel da PSP de Cascais no seu encalço, os fugitivos entraram na A5, mas ao chegarem perto do acesso à A16, em Alcabideche, foram confrontados com o trânsito que, entretanto, tinha sido parado por uma equipa da Brigada Antirroubo da Esquadra de Investigação Criminal, em veículo descaraterizado. 

Foi, então, que o condutor do "Mustang" optou por colocar-se na berma, do lado direito, na tentativa de fugir e acabando por abalroar três outros veículos.



Veículos abalroados pelo Mustang
O "Mustang" acabou por despistar-se e o condutor ficou ligeiramente ferido e foi transportado ao hospital de Cascais, enquanto os dois cúmplices foram logo detidos pelos agentes da PSP.

Submetidos a primeiro interrogatório judicial, os "Três Duques” foram libertados, mediante a obrigatoriedade de apresentações semanais na PSP, que sempre cumpriram até ao julgamento.

Entretanto, enquanto o Mustang alugado continua desde então em instalações da PSP, a aguardar que o proprietário proceda ao seu levantamento, sabe-se que os danos nos veículos abalroados durante a fuga foram pagos pelo Fundo de Garantia Automóvel.

Não foi a primeira vez que os dois irmãos estiveram envolvidos em fugas dignas da icónica série dos anos 80 e atualmente em reposição na RTP Memória “Os Três Duques”.

Em março de 2013, com o pai, então com 57 anos, e entretanto falecido, foram detidos após uma perseguição policial, também na A5 e depois de terem abalroado quatro viaturas da polícia e atropelado dois agentes. Na altura, pai e filhos viajavam num BMW e tinham também acabado de praticar furtos no interior de veículos no Guincho.

Noticias relacionadas
 




Imprimir

Sem comentários:

DESTAQUE.

Liberais alertam para degradação e abandono da Bataria de Parede

ABANDONO.   O Núcleo Territorial de Cascais da Iniciativa Liberal (IL Cascais) alertou, em comunicado, para “a crescente degradação e abando...

+ populares