Polícia Marítima de Cascais resgata num só dia dois desportistas em perigo no mar

Segurança

Por Redação


Dois praticantes de desportos de deslize, em risco nas águas, foram resgatados este fim-de-semana, no mesmo dia, por agentes da Polícia Marítima de Cascais.

Na praia de Parede, um homem, de 51 anos, que praticava “stand up paddle”, deslocou o ombro direito, tendo ficado a pairar na água sobre a prancha, fora da área de rebentação da vaga.

Até à chegada dos socorros, o homem, que estava consciente, esteve sempre acompanhado de outros surfistas, que o auxiliaram.


Dois agentes da Polícia Marítima e uma embarcação semirrígida com dois tripulantes da Estação Salva-Vidas do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN) efetuaram com sucesso o resgate.


Transportado até à Marina de Cascais, o homem foi observado por uma equipa dos Bombeiros Voluntários de Cascais, que foram mobilizados pelo Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU), tendo sido posteriormente conduzido à urgência do Hospital de Cascais.

Jovem surfista em apuros


Já na Praia das Moitas, pelas 16h10, um jovem, 17 anos, que praticava surf e que, por exaustão, acabou por segurar-se a uma rocha a oeste do pontão, ficou exposto aos efeitos da agitação marítima sentidas, e não conseguiu sair pelos próprios meios.

Acionados os meios da Polícia Marítima de Cascais, optou-se por empenhar a mota de água de salvamento da Estação Salva-Vidas do ISN, atendendo ao facto de o jovem estar numa zona rochosa e de difícil acesso por embarcação semirrígida.

Comandante Rui Pereira da Terra
Também este resgate foi realizado com sucesso e contou com a colaboração de um outro surfista.


As duas operações de resgate foram coordenadas pelo Capitão do Porto e Comandante Local da Polícia Marítima de Cascais, Capitão-tenente Rui Pereira da Terra.


Imprimir

Sem comentários:

+ populares

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."

MULTIMÉDIA.SAÚDE