Prisão preventiva para um dos suspeitos de assalto com homicídio em Cascais

SEGURANÇA

Por REDAÇÃO
28 setembro 2020 (Em atualização)
Um dos dois homens suspeitos de assaltar uma habitação, em Cascais, em que morreu um coronel aposentado do Exército, de 90 anos, e a mulher foi sequestrada na casa de banho, viu confirmada a prisão preventiva, esta segunda-feira, à tarde, apurou Cascais24.

Os dois assaltantes e homicidas foram detidos este sábado, no decurso de uma operação desencadeada pelas secções de Investigação de Roubos e de Homicídios da Polícia Judiciária (PJ) de Lisboa e Vale do Tejo.

Os inspetores detiveram, igualmente, um recetador do produto dos roubos.

Os suspeitos estão indiciados pelo, menos, em quatro assaltos violentos a habitações de idosos na região metropolitana de Lisboa.





Sem comentários:

Publicação em destaque

NATAL chegou à Grande Lisboa

A época mais mágica do ano chegou a Lisboa. Os dias mais frios e mais curtos, as luzes pelas ruas das cidades, os mercadinhos, o cheiro a ch...

FOI NOTICIA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA