PAI reincidente que insultava e ameaçava de morte a filha em preventiva

JUSTIÇA


Por REDAÇÃO
16 novembro 2022 | 11h47

Um homem, 64 anos, foi detido por agentes da Divisão Policial de Cascais por suspeita de violência doméstica de que vinha sendo vítima a filha e viu confirmada a prisão preventiva.

Segundo a PSP, em meados de julho havia sido detido por suspeita da prática de um crime de violência doméstica e dois crimes de ameaça agravada na pessoa da sua filha,.

Na altura e submetido a primeiro interrogatório judicial foi-lhe aplicada a medida de coação de termo de identidade e residência, proibição de contato com a vítima e proibição de aproximar-se da residência da filha.

No entanto, em agosto o suspeito convenceu a filha a regressar a casa, mas voltou a reincidir com injúrias e tentativas de agressão, tendo esta conseguido que o suspeito saísse  de casa. 

Inconformado com a situação, por diversas vezes, o suspeito dirigiu-se à residência, insultando e proferindo ameaças de morte contra a filha.

Presente agora pela segunda vez ao Tribunal de Cascais acabou por ver confirmada a prisão preventiva, tendo recolhido ao Estabelecimento Prisional.



Sem comentários:

Publicação em destaque

SISMOS o que fazer...

DICAS PREVENTIVAS |  Com o mais recente evento sismológico da Turkia e na Síria a pergunta que devemos fazer é se nós os Portugueses estamos...

FOI NOTICIA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA