HOSPITAL de Cascais passa para os espanhóis

SAÚDE


Por REDAÇÃO
24 agosto 2022 | 16h23

A Parceria Público Privada (PPP) do Hospital de Cascais, que estava a cargo da Lusíadas Saúde, vai passar no final do ano para os  espanhóis do Ribera Salud que, entretanto, constituíram em Portugal a sociedade Galo Saúde-Parcerias Cascais com um capital de 1,15 milhões de euros e cuja presidente do conselho de administração é Elisa Concepcion Gines.

A notícia, em exclusivo, é avançada esta quarta-feira pelo jornal online O ECO, segundo o qual o contrato deve ser enviado ao Tribunal de Contas para fiscalização prévia nos primeiros 15 dias de setembro.

Numa resposta conjunta a O ECO, os ministérios das Finanças e da Saúde explicam que, “terminada a fase da adjudicação, está agora em curso a fase pós-adjudicatória, durante a qual cabe ao adjudicatário apresentar os documentos de habilitação, prestar caução, entregar as minutas de contratos que passam a constar dos anexos ao contrato, bem como constituir a sociedade que irá assumir o papel de entidade gestora do Hospital de Cascais”.

Leia aqui, na íntegra, o exclusivo do jornal O ECO




3 comentários:

Unknown disse...

Um concurso com apenas um concorrente??? 😳😳😳😳😳

estevesayres disse...

Qualquer coisa que me está a escapar. O governo em tempo disse, que não ia haver mais hospitais (PPP)!?

Anónimo disse...

Assim é que se trabalha em benefício dos utentes.Deveria de haver mais hospitais nesta situação

Publicação em destaque

REGIÃO interior de Cascais foi a mais fustigada pelo mau tempo

O interior do concelho de Cascais foi o mais fustigado pelo mau tempo, sobretudo pela forte precipitação que assolou a região entre o final ...

FOI NOTICIA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA