FUGA de produto tóxico em lavandaria fecha centro comercial em Matarraque. Três mulheres foram transportadas ao hospital

SEGURANÇA

EQUIPAS de socorro evacuaram centro comercial Valmor e isolaram perímetro esta sexta-feira à tarde (Crédito: DR/Cascais24horas)

Por REDAÇÃO | 
12 novembro 2021 | 21h20

O centro comercial Galerias Valmor, em Matarraque, foi encerrado esta sexta-feira, à tarde, devido a um derrame de químicos numa lavandaria e três mulheres tiveram que ser transportadas à urgência do Hospital de Cascais, confirmou, a Cascais24horas, Pedro Araújo, comandante dos Bombeiros de Parede.

As mulheres, com idades entre os 45 e os 50 anos, sofreram irritação ocular e dificuldades respiratórias, acrescentou o comandante Pedro Araújo. 

COMANDANTE Pedro Araújo: "Três pessoas tiveram que ser transportadas ao hospital devido a irritação ocular e dificuldades respiratórias"
________________________________________________________

O alerta para o derrame de um produto conhecido por percloroetileno, um liquido tóxico, foi dado pouco depois das duas horas da tarde.

O produto terá sido colocado para limpeza na máquina industrial de lavagem a seco de uma lavandaria instalada na cave do centro comercial.

No entanto, entre 10 a 20 litros do produto tóxico terão sido derramados.

Já no local, os Bombeiros de Parede procederam à evacuação do centro comercial, na rua Fernão de Magalhães, em Matarraque, e iniciaram as operações de contenção do químico, recorrendo a pó de pedra sobre o derrame, por forma a ser absorvido. 

BOMBEIROS de Parede transportaram vítimas à urgência do Hospital de Cascais
_______________________________________

Simultaneamente, as equipas dos Bombeiros de Parede assistiram inicialmente no local três mulheres, que acabaram por ser transportadas à urgência do Hospital de Cascais. 

O centro comercial foi encerrado pelas duas horas e meia da tarde e só este sábado deverá reabrir, depois de haver a certeza de que o produto tóxico foi completamente absorvido e não existe risco para a saúde pública.

Nas operações estiveram empenhados os Bombeiros de Parede, a PSP e o Serviço Municipal de Proteção Civil de Cascais. 

CENTRO comercial foi encerrado e só deverá reabrir este sábado
_______________________________________

Este foi o segundo incidente com produtos tóxicos registado esta sexta-feira no concelho de Cascais, que obrigou à evacuação e encerramento de espaços.

Conforme Cascais24horas avançou, também o nicho de empresas DNA, em Alcabideche, foi encerrado esta sexta-feira,  ao final da manhã, devido ao derrame de diluentes na empresa Xhapeland, que fabrica pranchas de surf. Cerca de 100 pessoas foram evacuadas e uma delas teve que receber assistência no local devido a vómitos e dores de cabeça.








Sem comentários:

FOI NOTICIA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA