Farmácias de Cascais e CoviBus vão administrar vacina contra a gripe a maiores de 65 anos e doentes crónicos

SAÚDE


Por VALDEMAR PINHEIRO (Texto) e EMANUEL CÂMARA (Fotos)
19 outubro 2020

Os munícipes de Cascais com mais de 65 anos e os doentes crónicos podem, a partir de agora, mas sob marcação prévia ser vacinados gratuitamente contra a gripe nas 42 farmácias do concelho e no COVIDBus.

O protocolo de vacinação nas farmácias foi assinado esta segunda-feira, à tarde, entre a Câmara Municipal de Cascais, a Associação Nacional de Farmácias (ANF) e a Associação Dignitude.

A assinatura do protocolo estava inicialmente prevista para o largo Cidade de Vitória, junto da conhecida farmácia Cordeiro, no centro de Cascais, mas devido às condições meteorológicas adversas foi transferida para o Auditório Maria Barroso da Casa da História Paulo Rêgo.

Presentes estiveram o presidente do município, Carlos Carreiras, o presidente da Associação Nacional de Farmácias, João Silveira e pela Associação Dignitude a antiga ministra da Saúde Maria de Belém Roseira.

Na oportunidade, Carlos Carreiras afirmou que Cascais reconhece o trabalho que as farmácias têm feito no nosso concelho em diversas parcerias que temos”. Segundo o autarca, “esta será mais uma, que pretende reduzir os riscos, neste caso de contágio da gripe, para todos nós”. E aproveitou para lançar um desafio: “Se tem mais de 65 anos e ou alguma doença crónica vacine-se”.

Por sua vez, João Silveira, presidente da Associação Nacional de Farmácias, sublinhou que “as farmácias trabalham há mais de 10 anos, numa relação de proximidade com o utente e tem contribuído para a cultura da vacinação no nosso país”. E acrescentou “estar certo de que estamos em condições de ajudar à vacinação em massa da população de risco. Por isso vamos trabalhar!”.

Já a antiga ministra da Saúde Maria de Belém Roseira, em nome da Associação Dignitude, agradeceu “a sensibilidade do presidente da Câmara de Cascais ao assinar o protocolo. “A nossa associação, fazendo parte da sociedade civil, pretende reconhecer a dignidade de todos os seres humanos, e este é um passo ao qual gostamos de estar associados”, garantiu.

No final da assinatura do protocolo, dirigiram-se no autocarro CovidBus até à Farmácia Cordeiro, na baixa de Cascais, onde foram acompanhados numa rápida visita às instalações pelo conhecido empresário do setor farmacêutico e antigo presidente da Associação Nacional de Farmácias, João Cordeiro.

As vacinas vão estar disponíveis nas 42 farmácias do concelho, sabendo-se que cada uma receberá 50 vacinas fornecidas pelo Ministério da Saúde.


Câmara e Dignitude financiam

O município de Cascais irá comparticipar o pagamento da administração da vacina nas farmácias aderentes em 90 por cento, sendo os restantes 10 por cento suportados pela Associação Dignitude, até um valor máximo de 2.5 euros por ato.

Ao todo, a administração das cerca de 11 mil vacinas contra a gripe destinadas aos munícipes mais vulneráveis do concelho de Cascais está orçada em 25 mil euros.

Designada por programa “Vacinação SNS Local”, esta iniciativa visa também retirar a pressão dos Centros de Saúde do concelho que, com esta preciosa ajuda das farmácias terão mais meios para a prática de outros serviços médicos com mais e melhor qualidade.

Recorda-se que, entretanto, o município também disponibilizou o autocarro CovidBus para junto dos centros de saúde e em colaboração com o Agrupamento de Centros de Saúde do Concelho de Cascais e com a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, administrar a vacinação. Tem capacidade para administrar 200 vacinas por dia.

Todavia, quer nas 42 farmácias, quer no CovidBus a vacina contra a gripe só é administrada sob marcação prévia.




Sem comentários:

Publicação em destaque

FUNCIONÁRIA do Modelo Continente de Tires salva cliente de 81 anos em paragem cardiorrespiratória

HEROÍNA .  Ao aplicar os seus conhecimentos de suporte básico de vida, com a ajuda de um desfibrilhador, até à chegada dos Bombeiros de Pare...

FOI NOTICIA

BLOGS