O bolso dos partidos fala mais alto

20 JULHO 2020
Em Portugal os partidos não pagam imposto de selo: IMI, IMT, IUC, IVA, tendo a Iniciativa Liberal levantado essa questão no Parlamento.
A Iniciativa Liberal Cascais lançou em Maio deste ano uma petição pública na qual pede ao executivo camarário que reduza o IMI para 0,30%, o mínimo legal, mas os partidos deviam e devem pagar impostos como todos nós: moradores, empresas, etc. deste concelho.
O património imobiliário dos partidos segundo os últimos dados é de 50 milhões de euros, não sendo claro quais os números exatos no concelho.
Os impostos devem ser pagos por todos. A hipocrisia dos partidos que mais falam de paraísos fiscais não deixa de ser irónica, visto que são os mesmos que não querem pagar impostos. Esta duplicidade de critérios é aberrante. A esquerda CCV é sempre a primeira a pedir e a exigir mais impostos aos portugueses, mas são incapazes de aceitar que os seus “ricos” partidos também devem pagar, é como diz o ditado Português: “faz o que eu digo, mas não faças o que eu faço”. 
E isso é muito engraçado, os supostos que dizem e afirmam que defendem os interesses da população portuguesa são os que mais esfolam a classe Trabalhadora, e são os mesmos que obrigam a tirar 1% do ordenado para o partido, e depois não fazem nada pela pessoa, parece que veem mais o sujeito não como um indivíduo mas sim como um “porquinho mealheiro”, afinal os anticapitalistas são os que mais adoram o capital, é deveras interessante.
É esse tipo de coisas que faz afastar os portugueses das urnas e, no caso em específico, Cascais, que nas últimas autárquicas registou uma abstenção de mais de metade do eleitorado.
Neste mesmo concelho os valores do IMI encontram-se mais elevados que os dos concelhos vizinhos, com os seguintes valores: Lisboa-0.30%, Oeiras-0.32%, Sintra-0.33% e Cascais-0.35%. Mas isto é porque tentam criar uma imagem de Cascais, em que só existe uma realidade de grandes propriedades, carros de luxo e altos rendimentos. Agora existem várias realidades em Cascais, mas desvalorizam-nas, criando uma ideia estereotipada do concelho. A redução de IMI em Cascais para o mínimo legal é urgente.
Outros artigos de VASCO VARELA
+ Libertem as trotinetes
*Os artigos de opinião publicados são da inteira responsabilidade dos seus autores e não exprimem, necessariamente, o ponto de vista de Cascais24.





1 comentário:

Da Serra disse...

Muito bem.
Completamente de acordo!
Mais, os Partidos recebem tanto dinheiro dos contribuinte via Estado...
Uma verdadeira chulice!

MAIS PROCURADAS

MULTIMÉDIA.SAÚDE

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."