CASCAIS reconhecido à Polícia Marítima

SEGURANÇA

POLÍCIA Marítima celebrou os seus 102 anos em Cascais

14 novembro 2021 | 18h35
“Cascais está reconhecido à Polícia Marítima, aos seus agentes, homens e mulheres, que servem Cascais e também Portugal”, afirmou Carlos Carreiras, presidente do Governo Local de Cascais na cerimónia oficial dos 102 anos de este Órgão de Polícia Criminal, cujas celebrações decorreram durante três dias em Cascais e chegaram ao fim este domingo.
“Este aniversário celebrado em Cascais é uma prova de reconhecimento da Polícia Marítima em relação ao papel que as autarquias locais, um pouco por todos o País, fazem e o que Cascais tem feito, de uma forma que é de sublinhar”, declarou, por sua vez, o Secretário de Estado Adjunto e Defesa Nacional, Jorge Seguro Sanches, que presidiu à cerimónia, que decorreu este sábado, de manhã, na baía – um dia, infelizmente, ensombrado pelo trágico naufrágio na Figueira da Foz, que matou quatro pescadores lúdicos e deixou um sobrevivente.

Em Cascais, a Polícia Marítima, a funcionar na dependência direta do Capitão do Porto, tem desempenhado relevantes serviços, quer na vigilância das praias e no socorro a embarcações em risco, quer no resgate de pessoas com o auxílio das embarcações da Estação Salva-vidas.

PÚBLICO assiste a desfile de meios náuticos
______________________________________

A cerimónia oficial, que contou com a presença do Almirante da Autoridade Marítima Nacional, António Mendes Calado, e do Comandante-Geral da Polícia Marítima, Vice-almirante Coelho Cândido, bem como de várias individualidades militares e civis e de largas centenas de cidadãos anónimos culminou com uma visita à exposição de meios, que esteve patente até este domingo, e com o desfile dos meios das várias valências da Polícia Marítima, quer marítimos, quer terrestres.

Durante três dias, o público pode fazer o seu Batismo de Mar, em lancha da Polícia Marítima, a partir da Marina, e conhecer melhor e mais profundamente a missão e os meios marítimos e terrestres de este Órgão de Polícia Criminal – um dos 7 existentes em Portugal- que conta com 28 Comandos locais distribuídos pelo Continente e Ilhas da Madeira e Açores. 

“No Mar, Mais Além, Por Bem” é o lema da Polícia Marítima
_______________________________

Responsável por garantir e fiscalizar o cumprimento das leis e regulamentos nos espaços integrantes do Domínio Público Marítimo, nomeadamente e entre outros, as áreas portuárias, espaços balneares e outros espaços marítimos sob jurisdição da Autoridade Marítima Nacional, a Polícia Marítima viu também desde 2014, a sua missão alargada no âmbito dos compromissos internacionais, integrando missões, nomeadamente em apoio à guarda-costeira grega e salvando, desde então,  milhares de migrantes que tentam entrar na Europa através do Mar Egeu.

NOTICIAS RELACIONADAS

+ POLÍCIA Marítima celebra 102 anos em Cascais em dia trágico no mar

+CAPITÃO do Porto de Cascais convida população a assistir às celebrações dos 102 anos da Polícia Marítima na Baía




Sem comentários:

Publicação em destaque

DIAP de Sintra manda PJ fazer buscas à Câmara de Cascais 5 anos depois de denúncias de vereadores da oposição

Inspetores da Unidade Contra a Corrupção da PJ fizeram buscas, esta quarta-feira, de manhã, nos Paços do Concelho de Cascais e nas instalaçõ...

FOI NOTICIA

BLOGS