OPINIÃO

VOZ DO BRASIL

CASCAIS é o concelho que mais mortos registou em vias rodoviárias geridas por municípios no ano passado

SEGURANÇA


Por REDAÇÃO
12 setembro 2022 | 18h42

A Iniciativa Liberal (IL) Cascais qualifica de “absolutamente inaceitável” e acusa Carlos Carreiras de “incompetência na gestão da sinistralidade no concelho” uma vez conhecidos os resultados do relatório da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária referente ao ano passado.

Segundo Cascais24Horas apurou, as vias rodoviárias geridas pelo município foram as que registaram maior número de vítimas mortais em colisões e despistes. Ao todo, foram registados 6 mortos, quatro dos quais em estradas geridas pelo município.

Depois de Guimarães, Cascais foi o município cujas estradas registaram maior número de mortos.

MIGUEL Barros

Miguel Barros, coordenador da Iniciativa Liberal de Cascais, afirma que “o relatório da ANSR, que coloca Cascais como o município onde, em estradas da responsabilidade de municípios, mais fatalidades ocorreram em 2021, é um triste marco para o nosso concelho, e prova da incompetência deste executivo autárquico. Há muito que alertamos para os problemas na mobilidade em Cascais, fruto da falta de investimento da Câmara Municipal de Cascais na resolução dos problemas estruturais do concelho cada vez mais afogado em congestionamento”.

Em comunicado, a Iniciativa Liberal (IL) questiona também o executivo sobre a implementação do Plano Municipal de Segurança Rodoviária adjudicado a 31 de janeiro último, a uma empresa de João Sousa Marques, antigo quadro das Estradas de Portugal, por ajuste direto no valor de 18.500€. “O contrato tinha um prazo de execução de 150 dias, já largamente ultrapassado. Até à data, a Câmara Municipal de Cascais não divulgou qualquer informação sobre o Plano Municipal de Segurança Rodoviária”, dizem os Liberais de Cascais.

De acordo com Miguel Barros, “a Iniciativa Liberal Cascais tem vindo a alertar para o lastimável estado de conservação de muitas vias e passeios dentro do concelho, cuja manutenção é da responsabilidade da Câmara Municipal de Cascais” e alerta mais uma vez para “a necessidade de se proceder à pintura de inúmeras passadeiras no concelho, e em especial aquelas junto a estabelecimentos de ensino, sobretudo agora que se aproxima o início do ano escolar e a época de chuvas”.




Sem comentários:

Publicação em destaque

JUIZ de Instrução pôs atrás das grades homem que maltratava por ciúmes companheira grávida

Um homem, 46 anos, foi detido, em Carcavelos, pela PSP, por maltratar a companheira grávida e viu confirmada a prisão preventiva por um jui...

FOI NOTICIA

BLOGS