CASCAIS a “arder” com 25 milhões investidos no combate à Covid19 que o Governo (ainda) não pagou

ATUAL


Por GUILHERME FAFAIOL
06 novembro 2022 | 17h45

Cascais foi o município português que, em plena pandemia, mais gastou no combate à Covid19 e, neste momento, está à espera que o Governo pague os 25 milhões investidos.

Em entrevista à Rádio TSF, o chefe do executivo cascalense, Carlos Carreiras, lamentou a atitude do Governo, que diz não ter condições para pagar 156 milhões de euros reivindicados pelos municípios portugueses no combate à pandemia - montante que não consta do Orçamento de Estado (OE) para o próximo ano.

Só demonstra que o Executivo não tem contas certas”, afirmou Carlos Carreiras, acrescentando não estar surpreendido, pois o Governo vê os municípios como um parceiro menor”.

Na entrevista, o autarca de Cascais recordou que a pandemia “apanhou todo o País desprevenido, nem sequer as reservas estratégicas de material de proteção individual existiam, portanto foram as autarquias que tiveram de se chegar à frente”.

Numa altura em que o Governo tem lucros excessivos e quer taxar as empresas com lucros excessivos, não encontra mecanismos para poder apoiar em parte. Não se compreende, mas infelizmente já é uma normalidade no que temos assistido por parte do Governo, a considerar os próprios autarcas e autarquias como um parceiro menor na gestão”, afirmou à Carlos Carreiras.



Sem comentários:

Publicação em destaque

SISMOS o que fazer...

DICAS PREVENTIVAS |  Com o mais recente evento sismológico da Turkia e na Síria a pergunta que devemos fazer é se nós os Portugueses estamos...

FOI NOTICIA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA