CANÍDEOS resgatados ao fim de cinco horas de buscas na Malveira da Serra

ATUAL

Bagui e Moa, os dois canídeos desaparecidos e resgatados ao fim de 5 horas de buscas

03 dezembro 2021 | 23h42
Dois canídeos, de raça Leão da Rodésia, dados como desaparecidos esta sexta-feira, à tarde, na Malveira da Serra, foram resgatados com sucesso cerca de cinco horas depois de buscas intensas levadas a cabo por populares e pelos Bombeiros de Alcabideche, que chegaram a utilizar o drone adquirido recentemente para missões de busca e salvamento de pessoas e animais.

"Bagui" e "Moa", pretos, com cerca de 40 quilos e três anos de idade, foram dados pela proprietária como desaparecidos pelas quatro horas e meia da tarde.

Buscas iniciais na área para encontrar os dois canídeos não tiveram sucesso.

Pouco depois das sete horas da tarde foi pedida a ajuda dos Bombeiros de Alcabideche, que fizeram avançar dois veículos, com quatro operacionais. 

DRONE usado pelos Bombeiros na operação de busca e resgate dos animais
_____________________________________

Já na área, os Bombeiros de Alcabideche recorreram ao drone DJI Mavic Dual Enterprise, que possui uma câmara de alta definição e uma câmara térmica que permitem a captação de imagem e vídeo com transmissão em tempo real para o posto de comando num qualquer teatro de operações.

Porém, o drone só pôde ser utilizado durante cerca de 20 minutos, devido às condições atmosféricas, nomeadamente fortes rajadas de vento registadas na altura na serra de Sintra, disse, a Cascais24horas André Jerónimo, Adjunto de Comando dos Bombeiros de Alcabideche, que comandou as operações de busca na área. 

ADJUNTO de Comando dos Bombeiros de Alcabideche: "O drone só pôde ser utilizado durante cerca de 20 minutos, devido às condições atmosféricas, nomeadamente fortes rajadas de vento registadas na altura na serra de Sintra"
_____________________________________________________________

Quase ao fim de cinco horas, os dois canídeos acabaram por ser encontrados a mais de 1 km do local de onde tinham desaparecido.

Foram localizados e resgatados pelo criador, o qual tinha-se juntado às buscas.

Os canídeos estavam bem e foram devolvidos à dona, a qual, entretanto, tinha lançado um apelo nas redes sociais.



 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Sem comentários:

Publicação em destaque

SISMOS o que fazer...

DICAS PREVENTIVAS |  Com o mais recente evento sismológico da Turkia e na Síria a pergunta que devemos fazer é se nós os Portugueses estamos...

FOI NOTICIA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA