Antigo segurança da discoteca Urban Beach desaparecido encontrado morto perto da casa de namorado de ex- ministra em Birre

Segurança

Por Redação
A Secção de Homicídios da PJ está a investigar a morte de um homem, de 46 anos, antigo segurança na discoteca Urban Beach, de Lisboa, que estava desaparecido há cinco dias e foi encontrado cadáver, esta sexta-feira, à tarde, num baldio das imediações da casa do empresário alemão que mantém uma relação com a antiga ministra da Administração Interna, em Birre, Cascais, apurou Cascais24.

O homem estava dado como desaparecido desde o passado dia 12.

Fontes policiais confirmaram, a Cascais24, que o antigo segurança da conhecida discoteca lisboeta, alvo nos últimos tempos de grande polémica que, inclusivamente, levaram ao seu temporário encerramento, foi encontrado morto na sexta-feira, dia 16, num baldio, perto da sua viatura, na rua Esperança, em Birre.

"Tudo aponta para um caso de overdose, pois tinha espetada uma seringa num dos braços, mas o inquérito não está encerrado", disse, a Cascais24, fonte policial.

No local, estiveram a PSP, bem como uma brigada da Secção de Desaparecidos e outra dos Homicídios da Polícia Judiciária (PJ) de Lisboa e Vale do Tejo.

O corpo, adiantou outra fonte policial, foi removido, para autópsia, para o Instituto de Medicina Legal de Lisboa.

O homem foi um antigo segurança discoteca Urban Beach, que foi encerrada a 3 de novembro do ano passado, pelo sucessor de Constança Urbano de Sousa, o ainda atual ministro da Administração Interna Eduardo Cabrita, na sequência de agressões violentas, aliadas a 38 queixas por alegadas "práticas violentas ou atos de natureza discriminatória ou racista" no espaço. 

No entanto, em finais de janeiro último Eduardo Cabrita decretou a reabertura do espaço noturno.

A segurança da Urban Beach, até ao encerramento temporário, estava entregue à atualmente "prestigiada" empresa PSG, com sede no Monte Estoril que, em consequência dos incidentes, veio posteriormente anunciar o abandono da segurança em estabelecimentos de diversão noturna.

Segundo Cascais24 apurou, neste momento, as autoridades estão a procurar apurar os últimos passos dados pelo antigo segurança, agora encontrado cadáver, embora tudo aponte para um caso de overdose.



Por outro lado, observou uma fonte policial, pode não deixar de ser uma coincidência o homem ser encontrado morto, junto do carro, nas imediações da moradia do empresário alemão, namorado da antiga ministra que, na noite da tragédia de Pedrogão Grande, em junho passado, partiu apressadamente, deixando estacionado o seu "Mercedes" particular, que acabou por ser vandalizado por desconhecidos.






Imprimir

Sem comentários:

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."

Abrigos precisam-se!

Quem põe na ordem donos de caninos?

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo
Artigo de OPINIÃO Drª Francisca Delerue

Expulsemos as traquitanas