A MORTE DE CAROLINA. “Transportei a mulher no meu carro a pedido da amiga (Joana M) que dizia que ela estava viva”

Segurança



                   16 Novembro 2019
Carolina Magalhães, 31 anos, a jovem mulher cuja morte foi confirmada há uma semana junto à residência, em São João do Estoril, foi transportada desde o local onde aparentemente ter-se-á enforcado no gradeamento de acesso a um dos campos do Estoril Praia, na Amoreira, no veículo de um homem a quem a amiga Joana M, pediu ajuda, soube Cascais24.

Em declarações a Cascais24, o homem, um jovem empresário que pediu o anonimato e, entretanto, foi interrogado pela PJ, assegurou que transportou a mulher no carro, por julgar que “ela ainda estava viva”.

“Transportei a mulher no meu carro, a pedido da amiga que dizia que ela (a Carolina) ainda estava viva, tendo justificado que tinha ingerido muito álcool e aquilo passaria quando chegasse a casa e tomasse um banho”, contou.

“Encontrámos a mulher pendurada, pela echarpe, no gradeamento, foi horrível e eu alertei de que devíamos ligar o 112 ou levá-la ao hospital, mas a amiga (Joana M), que nos tinha pedido ajuda, disse que ela estava viva, pois até tinha pestanejado”, recordou a Cascais24.

Momentos antes, este homem e um amigo, com o qual estaria “à conversa à porta de casa”, foram “abordados por uma mulher (Joana M) para a ajudar a procurar a amiga que, entretanto, teria desaparecido”. Tratava-se de Carolina.

“Iniciámos a busca e, a certa altura, a cerca de 600, 700 metros do sítio onde estava com o meu amigo, a tal rapariga (Joana M) avisou que ela (a Carolina) estava pendurada no gradeamento”, lembrou o homem que, assegura, “desde aquela madrugada” ficou “perturbado com os acontecimentos”.

Segundo este homem, foi o amigo e Joana M que “retiraram a mulher do gradeamento” onde estaria enforcada. “Eu nunca lhe toquei”, assegurou a Cascais24.

Já chegados junto à habitação de Carolina, indicada pela amiga (Joana M), na rua Fernando Pessoa, na Quinta da Carreira, em São João do Estoril, constatou-se que, afinal, a jovem mulher estaria mesmo cadáver.

“Ligámos para o 112 e disseram-nos para retirar a mulher do carro e foi o que fizemos, colocando-a na via pública. Ficámos todos lá, até à chegada das autoridades”, concluiu o homem que, garantiu, “não conhecia nem a vítima nem a amiga” e agora “vê-se confrontado com um caso de polícia ao qual é completamente alheio”.

Pontas soltas


Na noite dos acontecimentos, com contornos algo bizarros, Carolina, o namorado, Filipe L, e a amiga Joana M, terão jantado numa churrasqueira “para os lados de Amoreira”.

Mais tarde, na sequência de uma alegada discussão com o namorado, este deixou Carolina e Joana junto aos campos do Estoril Praia. Desconhecem-se os motivos da discussão.

Em circunstâncias ainda por esclarecer cabalmente, Carolina ter-se-á separado de Joana, levando esta mais tarde a pedir ajuda para encontrar a amiga, que acabou por ser encontrada “pendurada no gradeamento” que delimita um dos campos do Estoril Praia, na rua Rio da Costa, na Amoreira.

Apesar de todo o cenário e dos depoimentos dos intervenientes apontarem para um eventual suicídio, existirão algumas “pontas soltas” neste bizarro caso que os inspetores da tradicionalmente cautelosa Secção de Homicídios da Polícia Judiciária (PJ) de Lisboa e Vale do Tejo querem ver esclarecidas, motivo pelo qual a investigação ainda não foi concluída, soube, ainda, Cascais24.

Há, no entanto, amigos que não acreditam na tese de suicídio, atendendo a que a jovem mulher “não teria motivos aparentes para pôr fim à vida”.

“Nem quando, por duas vezes, ela perdeu a custódia dos filhos, que recuperou judicialmente, pensou alguma vez suicidar-se”, afirma quem a conheceu.

Em “segredo de Justiça”


Carolina Magalhães foi autopsiada esta terça-feira no Gabinete Médico Legal da Guia, em Cascais.

O resultado da autópsia está sob segredo de Justiça, embora a conclusão forense final ainda dependa, como indicou a Cascais24 fonte da PJ, de “exames toxicológicos”, que demoram algum tempo.

Entretanto, Carolina foi a enterrar esta quinta-feira, de manhã, no cemitério da Galiza, em São João do Estoril, depois de velório na igreja paroquial de São Pedro e São João do Estoril. Algumas dezenas de pessoas, entre familiares e amigos, incorporaram-se no último adeus à jovem mulher, que deixa órfãos dois filhos menores, de 11 e 9 anos, entretanto entregues ao cuidado do pai.

Carolina regressara há algum tempo ao Estoril, depois de ter emigrado para Dublin, na Irlanda, onde trabalhou no hotel de 4 estrelas Trinity Capital.

Vivia com o irmão, a mãe e os filhos em São João do Estoril. Ia completar 31 anos a 21 de dezembro.

Noticia relacionada
Imprimir



23 comentários:

Anónimo disse...

Disse que não disse...ainda vão culpar o cão da vizinha...tenham vergonha...um pessoa que se enforca faz logo xixi e cocó como é que ela pestanava os olhos? Mas querem mandar areia pros olhos de quem? Mas afinal não vai haver culpados por terem remexido no corpo da minha amiga? Digam me lá?

Anónimo disse...

As pontas soltas apenas estão soltas no Cascais24 e para alguns leitores. Porque a investigação já tem esclarecido estas intituladas pontas soltas. foi suicídio, ponto final. A investigação não está esclarecida porque só o resultado da autópsia, que chega segunda feira, faz prova como foi suicídio e não estrangulamento.
Ah, e para quem diz que a Carolina não faria isto, os ditos amigos, conhecem na mal, porque a Carolina já tinha tentado anteriormente mais que uma vez e apesar de não ser uma pessoa de má índole, por vezes era muito depressiva. Os amigos que aparecem aqui com esses comentários que demonstram que afinal não conheciam a Carolina, deviam antes tentar perceber porque este suicídio após uma discussão e que substância dessa discussão teria deitado Carolina abaixo. Aí sim, desvendar iam o grande mistério.

Anónimo disse...

Então agora que têm uma notícia onde uma testemunha verídica conta exactamente o que aconteceu,ninguém comenta???Gostam mesmo é do diz que disse,telenovelas mexicanas e programas do Goucha.

Anónimo disse...

O namorado é mesmo mentiroso quem disse que foram jantar a uma churrasqueira? não sabia que na churrasqueira se comia sushie e pizza...

Anónimo disse...

Em resposta ao primeiro comentário,só qd a tiraram do carro é que viram que tinha xixi PONTO.A tua "amiga"pôs termo à vida PONTO.A Joana não quis lev-la para o hospital,pq iria acusar droga e tiravam-lhe os filhos NOVAMENTE,PONTO.Nao abandonaram o corpo e ligaram ao 112 PONTO.
VAI MAS É TRABALHAR E LIMPA ESSA CABEÇA

Anónimo disse...

A pessoa que escreveu as 8h57 so lhe tenho a dizer olhe se a minha amiga o tentou foi no passado e o passado ja passou...nao seria agora que ela estava bem na vida...para mim voce nao pode vir dar dicas assim...pois da vida da carolina do passado nao é chamado...sabe no passado tb me quiz matar sabe pq? Porque levava uma vida de merda...mas a 3anos para ca que sou outra e penso doutra maneira graças a mim e ao meu puder de escolha...olhe sinceramente para mim isto esta mal contado e ponto final...e alguem tem que ser responsavel por ter mexido no corpo da minha amiga sim...

Anónimo disse...

A resposta 10h54 eu estou limpa a tua amiga joana é que nao...olha a carolina nao faria aquilo...e voces ainda me vao dar razao...

Anónimo disse...

O empressario nao conhecia? Lol empresario do quê? Digam o nome se ta envolvido..nao sei para que tanto misterio se os amigos mais chegados sabem da verdade toda...como por exemplo nao era so a j. Nem esse tal "empressario" ainda tem que haver uma 3pessoa...entao essa nao aparece? Nao era o namorado que deixou as duas juntas...para irem ter com 2amigos...entao de onde apareceu o empresario lol...sinceramente eu nao sou da pj...mas para mim isto foi um ajusto de contas e agora vem para ai com meias conversas do passado da carolina...que antes de ela ter tudo tenha alguma vez pensado em suicidio...tenho pena mesmo era uma miyda que brilhava sozinha...

Anónimo disse...

Aos alegados "amigos" da minha querida Carolina eu sou a 3a pessoa que teve que agarrar e tirar a minha amiga que eu amava pendurada pelo pescoço seus egoístas nem pensam no nosso sofrimento de ver a nossa amiga como vimos ligamos logo para o 112 e mandamos o ambulância para a porta de casa dela o drama e o pânico dessa viagem só nós sabemos como foi estivemos com ela até sempre nunca a abandonaria tal como ela nunca abandonaria um amigo se não fosse a Joana a ligar para mim e a insistir na busca ela teria sido encontrada por desconhecidos e não por nós o meu amigo eu e a Joana ficamos com ela até ao fim segurei na minha amada amiga que eu sei que onde está tem a certeza que a amávamos e isso é o que me interessa a opinião de idiotas sensacionalistas não me interessam calem-se de uma vez por todas deixem ela ir em paz já que foi cedo demais uma pessoa especial que nunca será esquecida. O teu lugar no meu coração é eterno quem me dera ter-te de volta. Calem se de uma vez gente triste a Carol não merece estar na boca do povo. Atrasados mentais. Love you Carolline cabecilda até já

Anónimo disse...

Um passado e um presente de drogas...um passado com tentativas de suicídio...um presente em que ficou sem os filhos e os reaveu mas pelo que me disseram não viviam com ela...e a quem levou o corpo,chamou 11
2 e ficou com ela,é que é culpado???Bom ponto de vista,mas só de uma cabeça cheia de caça de galinha!Deixa os fumos,vai trabalhar e cuida da tua vida.Es uma desgraçadinga sem nada para fazer e queres é tempo de antena.Vai-te tratar pocaon...

Anónimo disse...

Se houvesse pontas soltas a Joana e os outros estavam ou presos ou com termo de identidade e residência...

Anónimo disse...

Olha para ti é senhora pokaontas...e tu que nem o teu nome das?olha eu dou o nome sim e sabes nao tenho que me tratar...pois tenho tudo e nao sou ma como muita gente o é...olha se continuas a dizer que fizeram bem em mexer no corpo...voces nao pensam...mas sabem deus é grande e quem faz merda ha de cair sozinho...pela carolina deus vai fazer justiça...

Anónimo disse...

Vou trabalhar ja trabalho...tomo conta da minha mae sua parva...olha tenho um trabalho muito bom por sinal...kkkk olha tratar me so se for para afastar toda a merda de pessoas com os teus pensamentos...se achas que eles fizeram bem...imagina a tua irma e agora os supostos amigos fazem isso a tua irma...queria ver onde te agarravas porra...voces é que se teem tratar todos...sinceramente nem sei o que voces andam a ver...kkkk isto é uma loucura..mas sabem ela está la em cima ja e necessita de descanso por isso agora a pj ja vai dar mais noticias..eu nao acredito que isto va ter um desfecho assim....

Anónimo disse...

A PJ já tem o teu nome e todos os teus comentários,como tal está mas é quietinha para não acontecer nada à Joana.Um dia destes tens uma A.S. lá em casa para te mandar fazer exames e depois olha não te queixes.Nao vejo mais ninguém a destilar o dia à Joana como tu!Mas o inspector já está a par,pois fiz questão de lhe dizer e dar-lhe o teu nome é perfil de Facebook.Moove on Baby.

Anónimo disse...

A pocahontas é a última a falar foi por tua culpa que a Carolina ficou sem os filhos quando lhe foram tirados, quanto tu gostares de alguém tenho as minhas dúvidas, tu tens de fazer um tratamento a cabeça, a Joana e uma drogada que tem de fazer a cura para que não lhe aconteça o mesmo.
Não basta ser drogada para ainda estar a gerar mais um filho na droga.
Quanto aos amigos que a transportaram foram irresponsáveis sabendo que estava sem vida..

Anónimo disse...

Bem, a meu ver quem não ajuda não deve atrapalhar. Das duas três, ou eu não sei ler ou as pessoas estão aqui só para apontar o dedo. Não leio em lado nenhum que é o namorado que diz ter jantado numa churrasqueira. Depois, primeiro quem transportou a Carolina não a conhecia, agora já há um comentário de uma pessoa a dizer que é amigo e que foi quem transportou. Muita especulação, muita mentira, um bate boca no meio de um assunto que tem que pensar que existe família a passar um mau bocado e não é hora para estar a ler este tipo de coisas. RESPEITAR PARA SER RESPEITADO.

Anónimo disse...

Vocês amigos e conhecidos deviam estar todos calados e ter RESPEITO pela falecida, lavar roupa suja na praça e lixado mas é o que todos fazem, atiram pedras uns aos outros e todos teem telhados de vidro, atirem a primeira pedra quem não tem
Aqui perdeu se uma vida, numa noite em que estavam todos lixados, drogados e bebados, e o mais grave de uma das pessoas nem se fala aqui! Querem o que? Milagres? Deixem se de merdas, de comentarios de merda, porque quando se morre tudo é querido, quando se está vivo é o qu é!
Espero que sejam julgados sim pelo crime cometido, mexer num cadaber e leva lo do sitio da morte é crime sim, mas meus caros portugal é portugal, se os violafores, homicidas, e os politicos tão a solta tão a espera que façam o que? Mais uma vez tenham respeoto pela familia que é a unica que não merece que se lave roupa suja! Já sabiam o quw a casa gastava ou nao? Tenham vergonha, os que tiveram metidos e os que veem falar agora!

Anónimo disse...

Alguém sabia que estava cadáver?
Para de bater no ceguinho!!!
Tanto blá blá blá aqui,vai à PJ se tens alguma coisa para dizer(com provas)senão cala-te,já ninguém te pode ouvir!!!

Anónimo disse...

Não conheço ninguém das pessoas envolvidas e lamento pelo que aconteceu. Acho uma vergonha o que certas pessoas estão a fazer aqui e nem sei como o Cascais24 permite esse tipo de comentários. Para todos que nao sabem de leis, acusar sem provas também e crime. Eacrever nomes e dofamar essa pessoa. Voces deviam fazer uma reflexão e ganhar juízo e crescer como adultos, principalmente quando pelos vistos já sao todos pais. Ou se querem acusar façam no frente a frente deves de escrever atras de um computador. Vergonha de educação.

Anónimo disse...

Agora apelo ao moderador,como é possível permitir certos comentários que para aqui vão?Como este último por exemplo.
Bem mas pode ser que o tal Filipe,tome uma atitude ao ver o seu nome aqui exposto!

Anónimo disse...

Cheguei a ver uma fotografia da carolina com o pescoco marcado tentativa de suicidio com um lenco em um cafe ...e alerteia para mudar de vida e de amigos que assim n ia longe tinha um bom emprego na irlanda mas deitou tudo a perder por causa das drogas
so acho estranho e a historia dos personagens mal contada
para mim suicidio ..mas como era consumidora de droogas e tinha dividas n sei ...ajuste ela ia se debater haveria marcas ...tal como ja foi testemunhado que a viram pendurada

Anónimo disse...

Empresário só se for de farelos.
Não conhecia a Joana?
É só conversa.
Quem tem o telemóvel é o culpado,Estão lá todas as provas...

Sol disse...

...já saiu o resultado e nem a Joana nem ninguém vai preso.Aconteceu o que já se desconfiava.Infelizmente a Carolina decidiu colocar um ponto final na sua vida e os exames toxicologicos tb nai lhe foram favoráveis.
Resta desejar paz á sua alma e muita força à sua mãe.

Publicação em destaque

FUNCIONÁRIA do Modelo Continente de Tires salva cliente de 81 anos em paragem cardiorrespiratória

HEROÍNA .  Ao aplicar os seus conhecimentos de suporte básico de vida, com a ajuda de um desfibrilhador, até à chegada dos Bombeiros de Pare...

FOI NOTICIA

BLOGS