Destroços de aeronave removidos para Viseu

Por CASCAIS24
O hangar, em Viseu, onde é feita a investigações a aeronaves acidentadas


Os destroços da aeronave que caiu esta segunda-feira, em Tires, provocando cinco mortos, vão ser removidos ainda esta terça-feira para o hangar no Aeródromo Municipal de Viseu, onde a Unidade de Aviação Civil do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e Acidentes Ferroviários armazena e examina aeronaves acidentadas.

Trata-se, segundo Cascais24 apurou, de um hangar  onde existem todas as condições técnicas e de segurança adequadas às peritagens. A nível nacional, é neste hangar que são desenvolvidas todas as investigações necessárias, sempre que ocorrem acidentes aeronáuticos.

A investigação ao trágico acidente está a cargo de dois peritos que, em Tires, têm estado a acompanhar as equipas dos Bombeiros de Parede e da Proteção Civil na remoção dos destroços do aparelho.

Os investigadores deverão apresentar dentro de 30 dias um relatório preliminar sobre as causas que estiveram na origem da queda do aparelho, que pertence a uma empresa suíça que fabrica próteses.

Entretanto, no cenário do acidente, depois da remoção, terão lugar os trabalhos de "descontaminação e limpeza" da área, os quais deverão estar concluídos até esta quarta-feira. 












Sem comentários:

MAIS PROCURADAS

MULTIMÉDIA.SAÚDE

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."