PJ investiga sequestro de menor de 10 anos

Segurança


Por Redação
A Polícia Judiciária (PJ) está a investigar os contornos em que um menor, de 10 anos, foi alegadamente sequestrado por duas mulheres, acompanhadas de uma menor de 12 anos, na quinta-feira passada, na Torre, em Cascais, apurou Cascais24.

O menor, que brincava na rua das Naus, na Torre, foi feito refém pelas seis horas da tarde do dia 28 de dezembro.

Duas mulheres, acompanhadas de uma menor de 12 anos, obrigaram, sob coação, o menor a entrar no veículo, que uma delas conduzia.

Pouco depois, o menor foi forçado a pintar as instalações de um posto de transformação, na rua dos Estorninhos, na vizinha Quinta da Bicuda, sendo libertado a seguir.

Segundo Cascais24 apurou junto de fonte policial, que confirmou a estranha ocorrência, no trajeto, entre as ruas das Naus e do Estorninho, o menor terá sido agredido, alegadamente pela menor de 12 anos.

Ao que consta, o menor teria grafitado há tempos o mesmo local.

O alegado sequestro terá durado cerca de uma hora.

A PSP de Cascais, acionada inicialmente para a ocorrência, estranha no mínimo pelos seus contornos, comunicou o caso à Polícia Judiciária (PJ), que tomou a seu cargo a investigação para deslindar o alegado sequestro, bem como a sua motivação.


Sem comentários:

Publicação em destaque

BOMBEIROS de Parede salvam canídeo de poço. Veja o vídeo do resgate

CANÍDEO aguarda pelo socorro (Créditos: BVParede) RESGATADO COM SUCESSO . Um canídeo foi resgatado, esta quarta-feira, de manhã, pelos Bomb...

FOI NOTICIA

BLOGS