VIOLÊNCIA. Motorista de táxi de Lisboa agredido e assaltado em Polima

Segurança

Por Redação
Um motorista de táxi, de Lisboa, foi agredido durante o assalto de que foi vítima às primeiras horas da madrugada de domingo de Páscoa, em Polima, São Domingos de Rana, confirmou, a Cascais24, fonte do Comando Metropolitano da PSP.

O taxista, de 58 anos, tinha apanhado três jovens na travessa de Campo de Ourique, em Lisboa, pelas 23h30, tendo posteriormente deixado um deles no Campo Grande e seguido viagem para Polima com os outros dois.

Chegado pouco depois da meia-noite à rua Luís de Sá, Várzea de Polima, um dos clientes, que seguia no banco traseiro, neutralizou o motorista pelo método do nó de gravata, enquanto o outro, que seguia no banco da frente, agrediu a vítima com vários socos no rosto.

Com o motorista de táxi dominado, os dois assaltantes roubaram-lhe a carteira com cerca de 100 euros em numerário e diversa documentação pessoal, além da chave de ignição do táxi, por forma a obstar qualquer tentativa de perseguição.

Os dois assaltantes, na casa dos 25 anos, empreenderam depois a fuga apeada através de um descampado existente na rua Luís de Sá.

O taxista, que sofreu ferimentos leves no rosto e não teve necessidade de ir ao hospital, acabou por acionar a PSP, que fez comparecer uma patrulha móvel da 56ª. Esquadra (Trajouce).

As autoridades não afastam a forte possibilidade dos assaltantes integrarem o gang que, nos últimos tempos, com o mesmo modus operandi, têm assaltado e agredido motoristas de táxi da praça de Cascais.







Imprimir

Sem comentários:

MAIS PROCURADAS

MULTIMÉDIA.SAÚDE

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."