Funcionários municipais apanhados em operação antidroga acusados de tráfico

Segurança

Por Redação
02 agosto 2019

Um casal, ele motorista na empresa municipal Cascais Ambiente e ela técnica coordenadora, figuram entre os 28 arguidos que o Ministério Público decidiu indiciar no âmbito da operação “Fonte 2765” sob a acusação de tráfico de estupefacientes agravado, detenção de arma proibida, corrupção ativa e passiva, branqueamento de capitais, peculato de uso e dano qualificado.

O julgamento, em processo coletivo, em que é também arguido um guarda prisional da cadeia de Caxias e detido há cerca de um ano em Évora, foi requerido em finais de junho último pela 4ª Secção do DIAP de Sintra, da Comarca de Lisboa Oeste, que dirigiu a investigação com a coadjuvação com a GNR de Sintra.

Outra figura em destaque na acusação do MP é uma idosa, 75 anos, viúva, familiar direto de um dos elementos do casal de funcionários camarários e avó de um jovem recluso da cadeia de Caxias, que servia de “ponte” com um guarda prisional, Fernando Lisandro, 48 anos e 20 de serviço, para introduzir telemóveis e drogas no meio prisional.

Fonte próxima do casal de funcionários municipais suspeitos disse, a Cascais24, que estes “terão sido traídos pela vida que levavam acima da média para os ordenados que auferem”. Ele pouco mais de mil euros e ela de 800.

Já segundo a TVI, que exibiu mesmo esta semana um “vivo” a partir do Complexo de Multisserviços da Câmara Municipal de Cascais, em Alcoitão, o motorista “Luís Morgado usava os insuspeitos veículos da Cascais Ambiente para transportar a droga, acondicionada em sacos com o logotipo da empresa municipal” e nos contatos telefónicos, para não ser apanhado, referia-se à droga como “polvo”, “pão”, berbequim” ou “garrafinhas de tinto”. A mulher, Elisa, usaria walk talk de serviço para os contatos com o marido ao nível das "encomendas".

Para a acusação, no essencial está indiciado que os arguidos, desde data não concretamente determinada, mas que se situa no ano de 2010, que se dedicavam à venda de produtos estupefacientes, designadamente cocaína e haxixe fazendo do tráfico de estupefacientes a sua única fonte de rendimentos, abastecendo-se de cocaína junto de outros arguidos que seguidamente revendiam a terceiros, procedendo ao seu corte e embalamento individual”.

Esta atividade, segundo o MP, era desenvolvida no Bairro da Torre, em Cascais ou na localidade do Zambujeiro.

Os arguidos comunicavam com os fornecedores de produto estupefaciente e consumidores, através dos respetivos telemóveis, os quais utilizavam para combinarem as transações com os fornecedores e com os respetivos clientes, combinando por essa via as entregas do estupefaciente e os pagamentos.

“Três dos arguidos travaram conhecimento com um Guarda Prisional no Estabelecimento Prisional de Caxias, em data não concretamente apurada, mas que se situa entre 30 de Novembro de 2015 e 01 de Julho de 2017, propondo-lhe que os auxiliassem a introduzir telemóveis e esteroides nesse Estabelecimento Prisional, a troco do pagamento de quantias monetárias, ao que este acedeu”, diz a acusação.

“Uma vez na posse dos equipamentos telefónicos e dos esteroides o Guarda Prisional vendia-os aos reclusos, recebendo contrapartidas monetárias de montante não apurado”, adianta o MP.

No decurso da investigação foram apreendidos diversos bens, quantias monetárias, produto estupefaciente, assim como instrumentos e proventos do crime.

Dez dos arguidos encontram-se sujeitos à medida de coação de prisão preventiva desde junho do ano passado.

A operação “Fonte 2765” foi lançada, curiosamente, meses depois de um outro funcionário camarário – um assistente operacional da Câmara Municipal de Cascais e afeto aos reboques do Departamento de Polícia Municipal, 54 anos – ter sido intercetado pela GNR a transportar 6 mil doses de haxixe na bagageira do carro particular que conduzia.


Imprimir

1 comentário:

Anónimo disse...

A judiciaria ja visitou o municipio por 16 vezes ... porque será? Quem souber que responda .

Publicação em destaque

BOMBEIROS de Parede salvam canídeo de poço. Veja o vídeo do resgate

CANÍDEO aguarda pelo socorro (Créditos: BVParede) RESGATADO COM SUCESSO . Um canídeo foi resgatado, esta quarta-feira, de manhã, pelos Bomb...

FOI NOTICIA

BLOGS