Cheiro a podre em ribeiro em Manique é atentado à saúde pública e ambiental

Atual

Uma moradora com a filha "fogem" a passo acelerado do mau cheiro proveniente do ribeiro (Foto Cascais24)

 

O cheiro nauseabundo faz torcer o nariz a quem passa junto ao ribeiro, que atravessa a estrada de Manique, à entrada da rua de Santa Inês, e aos moradores de toda a área envolvente, em Manique de Baixo, na freguesia de Alcabideche.


Ao longo do ribeiro é visível, também por falta de limpeza, água suja, escura, a partir da qual vem o cheiro, semelhante a podre, que invade o ar em toda a área envolvente, sobretudo e com especial incidência com a mudança do vento.

Mesmo ao lado, existe um caminho em terra batida que dá acesso e é utilizado pelos moradores do antigo bairro da Facel e social dos Bem Lembrados.

As águas sujas e escuras, estagnadas, parecem ter origem em descarga de esgotos a céu aberto no ribeiro.

O cheiro a putrefacto no ar dura há, pelo menos, quatro dias em toda a área envolvente, mas só este sábado parece ter sido descoberta a origem daquilo que pode ser considerado um atentado à saúde pública e ambiental.

Cascais24 alertou, este sábado, um responsável pelo serviço municipal de Proteção Civil de Cascais para a grave situação e, segundo apurámos, moradores houve que, entretanto, pediram a intervenção do SEPNA da GNR que, este domingo, deverá fazer deslocar uma brigada ao local.











Sem comentários:

Publicação em destaque

CASAL encontrado morto em Abóboda

Um casal foi encontrado morto, este domingo, ao início da tarde, em Abóboda, S. Domingos de Rana, confirmou, a Cascais24Horas Pedro Araújo,...

FOI NOTICIA

BLOGS