SUSPEITO DE ROUBO. PSP apanha jovem que cortou pulseira eletrónica

Segurança

Por Redação
19 fevereiro 2020
Um jovem, 17 anos, em prisão domiciliária por crimes de roubo e que, há dias, cortou a pulseira eletrónica, foi detido esta terça-feira, de manhã, na Parede, por agentes da Esquadra de Investigação Criminal da PSP de Cascais.

O adolescente está indiciado por crime de roubo na via pública e desde janeiro que estava em prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, a aguardar o desenrolar do inquérito, a cargo do Ministério Público de Cascais.

No entanto, há dias, o jovem decidiu cortar o dispositivo da pulseira eletrónica, que o mantinha limitado ao nível de movimentos à habitação.

O alerta vermelho foi dado pelos serviços de Reinserção Social, que controlam este dispositivo.

Esta terça-feira, de manhã, agentes da Esquadra de Investigação Criminal acabaram por deter o jovem para ser, de novo, presente ao Tribunal de Cascais para aplicação de novas medidas de coação, que poderão agora passar pela mais gravosa: a prisão preventiva.
Imprimir

Sem comentários:

MAIS PROCURADAS

MULTIMÉDIA.SAÚDE

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."