Mulher detida por agressões à mãe recolheu à cadeia de Tires

SEGURANÇA

Por Redação
03 junho 2020

Uma mulher, 47 anos, detida pela PSP, em Carcavelos, por intimidações e agressões à própria mãe, viu confirmada a prisão preventiva, tendo recolhido ao Estabelecimento Prisional de Tires.
A mulher, que é referenciado como tendo problemas de álcool e de drogas e do foro psiquiátrico, desde há cerca de um ano que vinha agredindo a mãe, a qual também intimidava, para além de destruir bens na habitação.
O agravar do comportamento agressivo da mulher levou a mãe a denunciar o caso à PSP no passado dia 28 de maio.
Segundo a PSP, “o agravamento da situação de violência doméstica era caraterizada pelo recrudescendo das agressões físicas, intimidações e destruição de bens por parte da agressora e filha da vítima, a qual é detentora de uma personalidade instável e agressiva, para a qual tem contribuído o consumo de álcool e drogas, a que acrescem problemas do foro psiquiátrico”.
Detida pelos polícias fora de flagrante delito e submetida a primeiro interrogatório judicial, a mulher acabou por ver confirmada a prisão preventiva, tendo recolhido ao Estabelecimento Prisional de Tires.






Sem comentários:

+ populares

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."

MULTIMÉDIA.SAÚDE