Mãe tinha deixado Fabricia entregue a familiar na paragem de autocarros enquanto foi às compras

Segurança

Por Redação
02/10/2018
Ao contrário da primeira versão dada pela mãe, de que estava a falar ao telemóvel na paragem de autocarros e, de repente, a filha tinha desaparecido, sabe-se agora que, afinal, a pequena Fabricia, de 5 anos, fora deixada entregue à familiar do pai, em São João do Estoril, pela própria mãe enquanto ia às compras ao supermercado. A verdade é que depois de uma espera de 45 minutos, a familiar do pai da criança, que cuidava dela desde pequenina, acabou por apanhar o autocarro 413 e levar a Fabricia para sua casa, no Bairro Novo de Alcoitão.

Esta segunda-feira, pelas 20h00, conforme Cascais24 avançou então em primeira mão, as autoridades foram alertadas para o desaparecimento de uma menina, de 5 anos, quando estava acompanhada da mãe na paragem de autocarros em São João do Estoril. Segundo a própria mãe disse à polícia, a filha desaparecera enquanto atendia uma chamada no telemóvel.

A Divisão Polícial de Cascais mobilizou, então, um grande efetivo, que durante cerca de duas horas fez buscas em toda a área de São João do Estoril, mas sem sucesso.

A PSP efetuou, ainda, nas horas seguintes diversas diligências junto de familiares e amigos dos pais da criança, que estão separados. Familiares houve que também fizeram apelos através das redes sociais.

Só pouco antes da meia-noite e meia hora é que, graças a telefonemas feitos pelo pai da Fabricia, que detém a sua guarda, é que foi possível saber o paradeiro da menina: estava em casa da familiar, de 18 anos, no Bairro Novo de Alcoitão, que a tinha trazido de autocarro desde São João do Estoril.

Uma "história" que, felizmente, acabou em bem.

Segundo Cascais24 apurou, a pequena Fabricia, de descendência cabo-verdiana, está à guarda do pai por decisão judicial. A viver no Estoril, mãe, uma jovem de 29 anos que, alegadamente, sofrerá de perturbações psíquicas, estava, no entanto, autorizada a estar com a filha de vez em quando. 



Imprimir

Sem comentários:

Publicação em destaque

FUNCIONÁRIA do Modelo Continente de Tires salva cliente de 81 anos em paragem cardiorrespiratória

HEROÍNA .  Ao aplicar os seus conhecimentos de suporte básico de vida, com a ajuda de um desfibrilhador, até à chegada dos Bombeiros de Pare...

FOI NOTICIA

BLOGS