ALERTA. Cascais e Oeiras entre os concelhos onde surto gripal é de risco

Saúde

Por Redação
23 dezembro 2019
Há um surto de gripe activo no distrito de Lisboa e Cascais encontra-se entre os 10 municípios, onde a atividade gripal vai subir para grau 3 numa escala de 1 a 5, soube-se esta segunda-feira.

O alerta é das farmácias, que lançaram este ano uma ferramenta revolucionária de previsão da epidemia de gripe, com base nos dados de venda de medicamentos. 

"O pico da epidemia só deverá ocorrer na segunda semana de Janeiro, mas as pessoas devem tomar medidas de imediato de prevenção dos contágios, como lavar frequentemente as mãos, usar lenços descartáveis e na ausência de lenço espirrar para o antebraço", recomenda António Teixeira Rodrigues, director do Centro de Estudos e Avaliação em Saúde (CEFAR), da Associação Nacional das Farmácias.

O “Despertador das Farmácias” antecipa em duas semanas a fase epidémica da gripe, com base nos números diários da dispensa de medicamentos e produtos de saúde. 

A rede de farmácias atende, em média, 520 mil pessoas por dia. Isso permite ao CEFAR monitorizar diariamente a evolução da actividade gripal, concelho a concelho. "Testámos o modelo com os dados reais dos últimos cinco anos. O poder de antecipação das farmácias é uma evidência", declara Peter Heudtlass, investigador do CEFAR.
Para além de Cascais, na lista onde o surto gripal sobe de grau figuram os concelhos de Lisboa, Oeiras, Amadora, Sintra, Odivelas, Mafra, Arruda dos Vinhos, Loures e Vila Franca de Xira.

Imprimir

Sem comentários:

MAIS PROCURADAS

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."