Detido por ameaçar vigilante e injuriar GNR na urgência do Hospital de Cascais

Segurança

Por Redação
Um homem, de 47 anos, foi detido esta quinta-feira, à tarde, na urgência do Hospital de Cascais por alegada tentativa de agressão a um vigilante e ameaças, injúrias e coação a funcionário de que foi alvo um militar da GNR de Alcabideche, em serviço naquela unidade de saúde.

O suspeito estaria a acompanhar a mulher numa ida ao serviço de urgência daquele hospital e, a certa altura, terá procurado forçar a entrada, desafiando e ameaçando o vigilante.

Ao intervir, o militar da GNR, em serviço no posto avançado do hospital, terá sido também ameaçado e injuriado pelo acompanhante da mulher, que estaria completamente descontrolado.

Acabou por receber voz de detenção e, segundo Cascais24 apurou, uma vez presente esta sexta-feira, de manhã, junto dos Serviços do Ministério Público do tribunal de Cascais, viu o processo baixar a inquérito, tendo sido libertado mediante Termo de Identidade e Residência (TIR).

Recorda-se que ainda há tempos, um enfermeiro e um militar da GNR de Alcabideche foram mordidos e agredidos à bengalada por um utente que estava a ser assistido na urgência.

Sem comentários:

DESTAQUE.

Agente da Polícia Municipal agredido à cabeçada junto ao CascaisVilla

SEGURANÇA .  Um agente da Polícia Municipal foi agredido à cabeçada e teve necessidade de ser assistido no Hospital de Cascais, este sábado,...

+ populares