Idoso reincidente em abusos sexuais libertado depois de detido pela PJ

Segurança

Por Redação
28/06/2018

Detido pela Polícia Judiciária (PJ) por “fortes indícios da prática de crime de abuso sexual de crianças”, de que terá sido vítima uma menina de 4 anos, quando brincava na via pública, num bairro social de Cascais, um idoso, de 85 anos, reincidente, acabou por ser libertado judicialmente, mediante a “proibição de contatos com a vítima”.


O anúncio da detenção do suspeito, sem pormenores, foi feito esta terça-feira, pela PJ de Lisboa e Vale do Tejo.


No entanto, segundo avança o CM, o homem foi detido três dias depois da participação chegar à PJ, via PSP, acabando, no entanto, por vir a ser libertado depois de submetido a primeiro interrogatório judicial.


O alegado abuso de que foi vítima a criança de 4 anos terá ocorrido há cerca de uma semana, quando o presumível autor, na via pública, viu um grupo de crianças a brincar, tendo abordado uma delas”, refere, por sua vez, a PJ.


Já ainda segundo noticia avançada pelo CM, “após dirigir-lhe algumas palavras, mexeu na zona genital da menor”, tendo as outras crianças feito a denúncia, “o que levou os pais a irem buscar rapidamente a filha”.


O idoso, de acordo com a PJ, “é reincidente na prática deste tipo de crime” e, inclusivamente, conta com uma condenação anterior.


Imprimir

2 comentários:

Da Serra disse...

E, embora idoso, não há ninguém que lhe dê uns bons pontapés entre as pernas?

Madalena disse...

Inacreditavel!!!mas afinal o que quer dizer JUSTIÇA? Deixar um criminoso no meio de todos nós que tem antecedentes?roubar um chocolate no Lidl é preso neste caso fica em liberdade até cometer mais crimes?

Publicação em destaque

DIAP de Sintra manda PJ fazer buscas à Câmara de Cascais 5 anos depois de denúncias de vereadores da oposição

Inspetores da Unidade Contra a Corrupção da PJ fizeram buscas, esta quarta-feira, de manhã, nos Paços do Concelho de Cascais e nas instalaçõ...

FOI NOTICIA

BLOGS