Prémio JOÃO CORDEIRO dá 20 mil euros para inovação das farmácias portuguesas

Saúde


Por Redação
06 fevereiro 2019
Estão abertas até ao próximo dia 15 de junho as candidaturas para o Prémio João Cordeiro – Inovação em Farmácia, uma iniciativa da Associação Nacional das Farmácias (ANF), que visa premiar projetos inovadores cuja implementação promova o desenvolvimento das farmácias. O galardão, com o valor de 20.000 euros, funciona como incentivo ao espírito de empreendedorismo no universo farmacêutico.

A categoria de Inovação em Farmácia pretende apoiar e premiar projetos originais, no âmbito da intervenção e do conhecimento em Saúde, que promovam a inovação e o desenvolvimento das farmácias portuguesas. 

Os 20.000 euros servirão ao premiado de apoio à implementação do projeto.

Para além do prémio principal, está ainda contemplada uma segunda categoria destinada à Comunicação Social, remunerada com 10.000 euros, que visa reconhecer trabalhos publicados na imprensa, rádio, televisão ou meios digitais que tenham como tema, ou um dos temas principais, a intervenção das farmácias e o que delas espera a sociedade portuguesa.

O nome do prémio representa uma homenagem da Associação Nacional de Farmácias ao seu fundador, João Cordeiro, que liderou a instituição entre 1981 e 2013.

Os interessados deverão submeter a candidatura até ao dia 15 de junho.

Mais informações poderão ser obtidas no site: http://www.premiojoaocordeiro.pt

João Cordeiro é um cidadão de Cascais, concelho onde goza de grande prestígio e no qual muito tem apostado ao nível de estruturas de apoio à saúde.

Foi, ainda, vereador independente na Câmara Municipal de Cascais, onde sempre procurou defender os interesses dos cascalenses, tendo durante o seu mandato, sem pelouro atribuído, constituído uma forte oposição ao poder instalado, não raras vezes em confronto direto com Carlos Carreiras.


Imprimir



Sem comentários:

DESTAQUE. 29 cães em risco resgatados em Carcavelos

+ populares

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."

MULTIMÉDIA.SAÚDE