António Capucho acusa PSD Cascais de “cobardia política”

Atual

Por Redação
06 setembro 2019

António Capucho classificou, ao Cascais24, de “cobardia política” da Comissão Política da Secção do PSD de Cascais o parecer desfavorável à sua admissão na Concelhia de Cascais.

O histórico militante social-democrata e antigo presidente da Câmara de Cascais afirma, em comunicado enviado esta sexta-feira a Cascais24 de que “tomei conhecimento através da LUSA da aprovação pela Comissão Política da Secção de Cascais de uma "moção que dá parecer desfavorável à admissão na Concelhia de Cascais”.

“Não estranho a decisão, por razões que me abstenho de referir por agora”, sublinha António Capucho, segundo o qual “o processo entregue na sede nacional ainda não foi remetido à Secção de Cascais, pelo que a decisão é extemporânea”.

“Ignoro os fundamentos que têm obrigatoriamente de ser invocados para a recusa da minha admissão, escolhidos de entre os que constam no regulamento aplicável, mas não vislumbro que qualquer deles seja elegível”, refere o histórico militante. 

Segundo, ainda, António Capucho “nos termos do mesmo regulamento não se trata de uma decisão final, pois a recusa fundamentada seguirá para a Comissão Política Distrital e, se esta mantiver o parecer negativo, remete o processo ao Secretário-Geral e é a este que cabe decidir em definitivo sobre a admissão”.

“Indiquei a Secção de Cascais para a inscrição e não qualquer outra em que não tivesse qualquer dúvida sobre a emissão de parecer favorável (o que é possível nos termos do referido regulamento) porque aqui resido há 70 anos, porque estive na génese da implantação do PPD no Concelho, tendo presidido a várias Comissões Políticas Concelhias em acumulação com o cargo de Secretário-Geral, porque aqui fui militante de base activo e porque aqui derrotei o PS nas eleições autárquicas em três eleições subsequentes, sempre com maioria absoluta”, relembra António Capucho. 

“Lamento que, em manifesto gesto de cobardia política, a Secção não tenha correspondido à minha disponibilidade para participar na reunião a fim de justificar o meu pedido e esclarecer quaisquer dúvidas”, conclui na nota enviada a Cascais24.



Imprimir

3 comentários:

Anónimo disse...

Caro Presidente Antonio Capucho

Está na hora de acertar contas com os "ratos" que o apearam da liderança do Municipio de Cascais ... devolva Cascais aos Cascalenses que se encontram reféns de uma liderança paroquial e autocrática .
O Dr.Rui Rio pode e deve participar activamente neste acerto de contas .

Anónimo disse...

Força Dr. António Capucho ! ... Precisamos de eliminar os oportunistas a soldo do Carreiras e do Miguel Luz que nos têm vendido o Concelho a gente pouco recomendável em negócios sinistros e altamente controversos.

Anónimo disse...

Dr. Antonio Capucho
Liberte os cascalenses destes politicos de terceira categoria

MAIS PROCURADAS

MULTIMÉDIA.SAÚDE

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."