Carlos Mata volta a comandar Proteção Civil distrital de Lisboa

Segurança

Por Redação
10 abril 2020
Carlos Mata, 58 anos, antigo comandante dos Bombeiros de Alcabideche e que, até há alguns dias, exerceu funções de diretor da proteção civil municipal de Cascais, regressou ao Comando Distrital de Lisboa da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, apurou Cascais24.
É o regresso de Carlos Mata como Comandante Operacional Distrital de Lisboa quatro anos depois de, a seu pedido, ter abandonado o cargo, que exerceu entre 2013 e 2016, tendo então regressado à proteção civil municipal de Cascais.

Conhecido pelas suas reconhecidas capacidades e qualificações profissionais e qualidades humanísticas, Carlos Mata substitui agora no cargo aquele que o substituiu há quatro anos: André Fernandes, nomeado, entretanto, 2º comandante operacional nacional.

Fonte muito próxima de Carlos Mata revelou, a Cascais24, que este “deverá exercer o cargo de Comandante Operacional Distrital de Lisboa até final do ano, prevendo-se que depois seja nomeado Adjunto de Operações do Comando Nacional, convite que lhe foi formulado pelos altos responsáveis pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil Nacional”.

Natural do Estoril, Carlos Mata é Mestre em Sistemas de Informação Geográfica e Modelação Territorial Aplicados ao Ordenamento, para além de pós-graduações em outras áreas e uma licenciatura em geografia.

Neste momento, o Comando Distrital de Lisboa é dirigido por dois homens oriundos de Cascais: Carlos Mata e Hugo Santos, este 2º Comandante desde fevereiro de 2017, altura em que abandonou o cargo de Comandante dos Bombeiros do Estoril.

Imprimir

Sem comentários:

Publicação em destaque

FUNCIONÁRIA do Modelo Continente de Tires salva cliente de 81 anos em paragem cardiorrespiratória

HEROÍNA .  Ao aplicar os seus conhecimentos de suporte básico de vida, com a ajuda de um desfibrilhador, até à chegada dos Bombeiros de Pare...

FOI NOTICIA

BLOGS