Artes de pesca de Cascais salvam jovem turista inglês alcoolizado e drogado

Segurança

Por Redação
27/08/2018
Acidente ou tentativa de suicídio?, eis as dúvidas que envolvem a queda de um jovem turista inglês, 25 anos, que veio a revelar elevado teor de álcool e alegadas substâncias psicotrópicas no sangue, este domingo, no final da procissão da Nossa Senhora dos Navegantes, no âmbito das Festas do Mar, em Cascais, que acabou por ser salvo pelas artes de pesca, que amorteceram o salto no paredão da avenida que liga a Baía à Cidadela.

Foi depois da procissão e, praticamente à chegada ao cais da Baía das embarcações envolvidas no tradicional ritual, que o jovem turista súbdito de Sua Majestade caiu acidentalmente ou lançou-se voluntariamente a partir do passeio marítimo, entre a Baía e a Cidadela.

O salto, no entanto, foi amortecido pelas artes de pesca, armazenadas uns metros abaixo.

O jovem turista inglês foi estabilizado pelos Bombeiros de Cascais e, com algumas escoriações, posteriormente transportado à urgência do Hospital de São Francisco Xavier.

Segundo Cascais24 apurou, o jovem súbdito de Sua Majestade, de férias em Cascais com a namorada, uma cidadã brasileira, acabou por ser observado no serviço de psiquiatria da unidade hospital, dado, alegadamente, possuir um historial suicida.

Os exames clínicos efetuados terão mesmo revelado que o jovem teria ingerido álcool em excesso, bem como terão sido detetadas nas análises a presença de substâncias estupefacientes.

A própria namorada terá confirmado às autoridades policiais e de saúde que não seria a primeira vez que o jovem tentaria o suicídio, sob efeitos da mistura explosivo de álcool e de psicotrópicos.

Nas operações de socorro estiveram mobilizados oito operacionais, apoiados por 4 veículos, dos Bombeiros de Cascais, INEM, e Polícia Marítima e PSP.

Imprimir






Sem comentários:

MAIS PROCURADAS

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."