Queda de andaime faz um ferido em Manique

Segurança

                                                                                                                                                        (Foto CASCAIS24)
Por Redação
13 abril 2019
Um jovem operário, de 23 anos, ficou ferido quando o andaime onde trabalhava desprendeu-se de um dos lados, ficando parcialmente tombado, este sábado, à tarde, em Manique de Baixo.

O alarme foi dado pouco depois da uma hora e meia da tarde.

A estrutura que estava a ser usada para trabalhos de manutenção de uma habitação, no largo de Manique, desprendeu-se de um dos lados, por motivos ainda desconhecidos.

                                                                                        (Foto CASCAIS24)
Em consequência, o operário terá caído de uma altura de cerca de 6 metros, mas foi considerado "ferido leve", segundo disse, a Cascais24, José Costa, segundo comandante dos Bombeiros de Alcabideche.

O jovem foi transportado à urgência ortopédica do Hospital de Cascais em ambulância dos Bombeiros de Alcabideche, que também fez deslocar para o local o veículo de intervenção em acidentes estruturais.

Também a Polícia Municipal (PM) de Cascais compareceu no local e registou o acidente.

Imprimir


1 comentário:

Anónimo disse...

Lamentando a ocorrência, a questão pertinente e actual é a seguinte : estando montado um andaime na via pública, que necessita de licenciamento e profissional devidamente habilitado para o efeito , onde estava a fiscalização do Cãmara Municipal de Cascais ? ou limitaram-se a receber a respectiva txaa do licenciamento ? e os municipes qie frequentam o local , quem os protege ? o que tem a dizer o reponsavel da segurança nº 1 em Cascais - Sr. Carreiras ? não ouvimos uma silaba da sua boca ... está de férias ?

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."

Abrigos precisam-se!

Quem põe na ordem donos de caninos?

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo
Artigo de OPINIÃO Drª Francisca Delerue

Expulsemos as traquitanas