Hospital de Cascais tem o melhor desempenho do Serviço Nacional de Saúde

Saúde



Por Redação 
28 novembro 2018
O Hospital de Cascais foi a unidade de saúde em Portugal com mais distinções atribuídas na avaliação da IASIST, nomeadamente, Melhor Desempenho Global na sua categoria – hospitais de média dimensão; Excelência Clínica na Área do Coração e Excelência Clínica na Área Respiratória.

O Hospital de Cascais vence pela 2ª vez consecutiva a categoria para o Hospital com melhor desempenho e reforça o seu posicionamento de qualidade com as duas distinções atribuídas pela primeira vez este ano nas áreas de excelência clínica.

Através de uma avaliação objetiva, o TOP 5 da IASIST tem como objetivo premiar as melhores práticas clínicas e os melhores resultados em saúde em unidades do Serviço Nacional de Saúde.

“Este reconhecimento reflete o trabalho dos profissionais do Hospital de Cascais, que todos os dias prestam cuidados de qualidade superior à população de Cascais e Sintra", afirma Vasco Antunes Pereira, CEO da Lusíadas Saúde e presidente do conselho de administração do Hospital de Cascais.

Vasco Antunes Pereira
Para este responsável, "o Hospital de Cascais tem vindo a ser periodicamente reconhecido por diversas entidades, como prova o selo de qualidade e segurança, atribuído pela Joint Commission International, a certificação HIMSS 7, que colocou o hospital numa elite dos três hospitais na Europa que mais utilizam a tecnologia em prol dos doentes, e hoje foi o Hospital que mais distinções obteve”. 

“A missão da Lusíadas Saúde é ajudar as pessoas a viver vidas mais saudáveis e contribuir para que o nosso sistema de saúde funcione melhor para todos. Com todas estas distinções estamos, mais uma vez, a comprovar que a nossa missão é uma realidade, vivida pelos nossos profissionais do Hospital de Cascais e sentida pelos nossos doentes na qualidade dos outcomes clínicos”, reforça Vasco Antunes Pereira.

O “TOP 5’18 – A Excelência dos Hospitais” foi apresentado pela consultora IASIST, numa cerimónia que decorreu no auditório do Museu Fundação Oriente e contou com a presença do Secretário de Estado da Saúde.
Imprimir

5 comentários:

Anónimo disse...

Atenção que esta peça é fake news .
O Hospital de Cascais , a nivel nacional, no que reporta a reclamações efectuadas pelos utentes face aos serviços prestados , ocupava a terceira posição no ranking no primeiro semestre de 2018 ... as principais causas : demora de atendimento, processos administrativos ( marcação de consultas / cirurgias ), falta de proffissionalismo / atenção para com os utentes ; sei de um caso, em que um utente que foi reclamar a um médico de serviço pela demora de atendimento ( URGÊNCIAS ) , e por ver outros médicos a passear no corredor , e com um tempo de espera insupotável, mandou a GNR proceder à identificação do utente .... isto é simplesmente pidesco, e não se percebe como o estado gasta os nossos impostos em serviços sem excelencia ao utente numa parceria publico / privada ; de que importa ter edificios novos , equipamento , conforto , se tudo o resto é mau ... a evitar frequentar esta unidade hospitalar .

Anónimo disse...

Porra então imagino o estado dos outros hospitais !
Hospital de Cascais sempre que vou lá, acabo sempre por sair com uma reclamação !
Vejo pessoas sem qualquer curso ou formação ( auxiliar ) q trocar agulhas, soro, falar da medicação que deve tomar
.

Anónimo disse...

Se este hospital é bom imaginem como seram os piores.
parece mais um matador que um hospital

Ana Pádua disse...

Não concordo com os comentários anteriores. De todas as vezes que recorri ao Hospital de Cascais, NUNCA presenciei falta de profissionalismo, ética ou educação por parte dos funcionários, independentemente de serem médicos, enfermeiros ou auxiliares. O tempo de espera é grande, mas a afluência devido à área que abrange também ó é e, se a isso, juntarmos a espera pelos exames complementares de diagnóstico, para que o mesmo seja conclusivo, compensa todo o tempo perdido (ou ganho!)

Anónimo disse...

Se este é o melhor....até tenho medo de ir a outros!
Se é dos melhores deve se ai esforço dos profissionais que aí trabalham..
Vivem à custa da produção sem olhar a esforços.

DESTAQUE.

"Mãe social" da Aldeia SOS condenada por ofensas a menores

ESCÂNDALO .  Uma "mãe social", que prestava serviço há cerca de 30 anos na Aldeia SOS, em Bicesse, e há dois anos cessou o vínculo...

+ populares