Vandalismo à solta no Guincho

ATUAL

Pilaretes arrancados ao longo da EN 247, na área da praia grande do Guincho

Por Emanuel Câmara (Texto e fotos)

10 junho 2020
Dezenas de pilaretes de pedra que protegem o passeio público e as dunas do Guincho Cresmina, no Parque Natural Sintra-Cascais, foram arrancados e derrubados na berma da Estrada Nacional 247, na zona da praia grande do Guincho.

Aquelas colunas, de grandes dimensões e em altura, que também servem para disciplinar o trânsito de veículos, terão sido alvo de atos de vandalismo praticados pela calada da noite com a finalidade de arranjar espaço para estacionar carros, segundo uma pessoa que conhece o local.

Alguns dos pilares, todos assentes em profundidade e com argamassa betuminosa em blocos de granito, foram partidos na base e encontram-se espalhados pela areia e no passeio que também serve de ciclovia.

No final de maio um cidadão solicitou à autarquia que mandasse repor os pilaretes vandalizados, mas até ao dia de hoje a situação mantêm-se inalterável, com a agravante de ter começado a época balnear que atrai milhares de pessoas às praias, e o consequente congestionamento do trânsito. 
Passadiços danificados alegadamente pela circulação de bicicletas

Os alegados atos de vandalismo ter-se-ão estendido a alguns dos passadiços aéreos que atravessam as dunas da paisagem protegida Cascais-Sintra. Um destes corredores danificados situa-se na duna da Cresmina e dá acesso direto à praia grande do Guincho.

Os passadiços foram concebidos apenas para uso pedonal, mas estão a ser utilizados para a circulação de bicicletas, o que também é suscetível de danificar aquelas estruturas feitas de madeira com pouca espessura.

Sem comentários:

Publicação em destaque

FUNCIONÁRIA do Modelo Continente de Tires salva cliente de 81 anos em paragem cardiorrespiratória

HEROÍNA .  Ao aplicar os seus conhecimentos de suporte básico de vida, com a ajuda de um desfibrilhador, até à chegada dos Bombeiros de Pare...

FOI NOTICIA

BLOGS