Agentes da PSP impedem criança de 11 anos de atirar-se de topo de edifício

SEGURANÇA

AGENTES da PSP salvaram criança em Carcavelos
01 janeiro 2021
Dois agentes da 56.ª Esquadra da PSP (Trajouce) salvaram, esta quarta-feira, uma criança de 11 anos que ameaçava atirar-se do topo de um edifício, de uma altura de cerca de 20 metros, em Carcavelos, apurou Cascais24.

O menor, que tem problemas do foro psicológico, encontrava-se no topo de um edifício, em evidente estado de ansiedade e perturbação, ameaçando pôr termo à vida.

À chegada dos agentes, recusou qualquer tipo de diálogo, mas um dos polícias acabou por conseguir alcançar a sua confiança. 

Enquanto este agente iniciava uma pequena conversa com o menor, simultaneamente, um outro agente, através de uma ligeira aproximação por via de uma janela próxima, conseguiu posicionar-se por forma a segurá-lo caso levasse por diante a ameaça de projetar-se para o solo.

Foi na sequência de um largo período de negociação, que o menor veio a aproximar-se de um dos agentes, momento que foi aproveitado para o agarrar pelo tornozelo e, desta forma, levá-lo para uma área de segurança.

Os agentes da PSP José Azeredo e Nélson Silva, ambos da 56ª Esquadra (Trajouce), tinham acabado de salvar uma vida numa ação que decorreu num contexto de elevado risco.

Cascais24 não conseguiu apurar os motivos que levaram esta criança de 11 anos a praticar semelhante ato e tão-pouco quais as medidas que foram tomadas ou vão ser tomadas por parte das autoridades em nome do chamado "superior interesse da criança".






 


Sem comentários:

Publicação em destaque

REGIÃO interior de Cascais foi a mais fustigada pelo mau tempo

O interior do concelho de Cascais foi o mais fustigado pelo mau tempo, sobretudo pela forte precipitação que assolou a região entre o final ...

FOI NOTICIA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA