TRIBUNAL de Contas investiga negócio entre Câmara e parceira chinesa

O Tribunal de Contas está a averiguar a venda por parte da Câmara de Cascais de dois armazéns e de um terreno adjacente com 6.330,50m2, onde funciona a fábrica de máscaras anticovid19, na rua Fernão Lopes, na Pampilheira, a uma empresa liderada pela empresária chinesa Emily Kuo Vong – uma parceira que chegou a oferecer 100 mil máscaras para crianças no concelho, apurou Cascais24horas. 

Sem comentários:

Publicação em destaque

LIBERAIS exigem compromisso de ministro para a conclusão da ligação da Linha de Cascais à de Cintura até 2027

A Assembleia Municipal de Cascais aprovou, esta segunda-feira, uma moção apresentada pela Iniciativa Liberal (IL) que reitera a necessidade ...

FOI NOTICIA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA

UM JORNAL QUE MARCA A DIFERENÇA