Idoso de 79 anos ferido por comboio em S. João do Estoril faleceu no hospital

Um idoso, 79 anos, ferido grave no atropelamento ferroviário, ocorrido esta segunda-feira, à tarde, na passagem de nível, em São João do Estoril, acabou por falecer no hospital de São Francisco Xavier, confirmou, a Cascais24, fonte hospitalar. Eleva-se, assim, a dois o número de mortos neste trágico acidente. Recorda-se que logo no local faleceu uma mulher, também idosa, cujo corpo acabou por ser removido para o Gabinete Médico Legal da Guia, em Cascais. As circunstâncias em que aconteceu o duplo atropelamento ferroviário estão a ser averiguadas.

3 comentários:

Anónimo disse...

Também o sr, Mamadu Embaló, foi colhido pelo comboio em S.João do Estoril
em 14/5/2019, noticiado no vosso jornal, e acabou por falecer no Hospital.
É mais do que tempo que a REFER e Câmara, resolvam a substituição da
passagem de nível

Cumprimentos,
José Guerreiro Rodrigues

Anónimo disse...

A passagem de nivel esta bem feita as pessoas é que a tornam perigosa se as cancelas fecham as pessoas não têm que passar mas mesmo assim arriscam

Anónimo disse...

A solução não está no fecho da passagem de nível! Poderiam voltar a colocar um guarda de linha para tentar minimizar estes acontecimentos.
Mas, o grande mal está no cidadão, que não sabe respeitar as regras.
Se o sinal sonoro e as cancelas estão activas, não se deve passar e pronto!
Quem se aventura a desrespeitar as regras, e não são poucos, infelizmente sujeita-se.
Até já assisti, várias vezes, jovens com motas passarem com as cancelas fechadas.
Existe uma grande falta de noção das consequências.

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."

Abrigos precisam-se!

Quem põe na ordem donos de caninos?

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo
Artigo de OPINIÃO Drª Francisca Delerue

Expulsemos as traquitanas