OPINIÃO

VOZ DO BRASIL

Eleições adiadas nos Bombeiros de Parede


Foram adiadas as eleições para os órgãos sociais da Associação Humanitária dos Bombeiros de Parede “Amadeu Duarte”, marcadas para esta sexta-feira. Segundo um comunicado divulgado esta madrugada e assinado pelo presidente da Mesa da Assembleia Geral, Jorge Pires de Carvalho, lamenta-se “as circunstâncias que obrigam a esta suspensão e pede desculpa por todos os transtornos causados, mas que lhe são alheios”. Já a lista A (Seguir em Frente, Valorizar os Bombeiros, Reforçar a Associação) “lamenta este adiamento, que até ao limite procurou evitar, assim como manifesta grande preocupação pela situação que se está a viver na prestimosa instituição”. Em atualização


1 comentário:

Anónimo disse...


Alguém falou em trafulhice? Ou foi um penalti que o árbitro não marcou?

O adiamento destas eleições, requeridas por processo formalmente correcto, legal e concordante com os estatutos da Corporação, indiciam sérios atropelos ao normal funcionamento democrático da instituição.
Esperemos que a queixa tenha sido feita às devidas instâncias de modo a cumprir os requisitos formais que se exigem e que o apuramento dos motivos da ocorrência sejam rapidamente conhecidos e esclarecidos.

Publicação em destaque

GNR nega último desejo a militar falecido

Não morreu em serviço, mas tinha uma brilhante folha de serviço e o desejo, ainda em vida, manifestado à família e aos camaradas que quando ...

FOI NOTICIA

BLOGS