FALSO ALARME DO ÉBOLA NO HOSPITAL DE CASCAIS

*Regressada de um voo da Nigéria, uma hospedeira recorreu há cerca de três semanas à urgência do Hospital de Cascais, por suspeita de ter contraído o vírus do Ébola. O hospital adoptou todos os procedimentos adequados à situação suspeita, mas os exames revelaram malária. 
 

Sem comentários:

MAIS PROCURADAS

MULTIMÉDIA.SAÚDE

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."