A tão apregoada boa mobilidade de Cascais


                                                                                      06 novembro 2018

A Auto Estrada de Cascais (A5) devia terminar na rotunda dos cavalos a entrada da Quinta da Marinha.

Mas não, termina pelo meio das ruas muito estreitas de Birre, num bairro de moradias, com dezenas de portões.

Mais umas lombas, do século 17, que já não se usam!

O que tem a dizer o Srº Vereador Nuno Piteira Lopes ou o Presidente Carlos Carreiras?

É isto a tão apregoada boa mobilidade de Cascais?

Imprimir

4 comentários:

Anónimo disse...

Opinião sábia , de um dos homens mais experientes em mobilidade a nivel nacional .
Ninguém se esquece da luta dos moradores da Rua das Glicinias, cujo Câmara Municipal de Cascais, ficou de enquadrar este assunto e resolver o mesmo ... de facto não resolveu nada , antes acrescentar lombas do seculo 17, o que não significa que as crianças que moram nesta artéria possam sair à rua, já que não existem passeios em determinados troços e correm o risco de atropelamento ; isto para já não falar da qualidade de vida dos moradores, que de um dia para outro, ficaram com ruido permanente em cima das suas casas ...como será possivel escoar o transito de uma A5 numa ruela de sentido único ... uma aberração só possivel em Cascais, onde impera a autocracia, o não liderar para as pessoas, e sobretudo não saber ouvir os municipes .
De certeza que os srs piteira lopes e carreiras não têem situações destas há sua porta de casa... porquê será que outorgam na dos outros municipes ?

A BEM DE CASCAIS

Da Serra disse...

Parece que os cascalenses gostam do que lhes dão para comer,pois tornaram a votar nas mesmas "cabecinhas pensadoras"...
Que tristeza de gente.
O problema é que seguem, não as pessoas mas a porra dos partidos, sejam lá quais forem!!!

Luis Maia disse...

Refere-se ao término da Auto-Estrada, que dizer então dos restantes acessos e vias do Concelho, completamente congestionados, num Concelho que continua a crescer avulso e desmesuradamente, sem planeamento, enquanto as vias continuam as mesmas?
Para agravar, uns iluminados da CMC fazem alterações ao trânsito que na maioria das vezes pioram a circulação...

João Casanova Ferreira disse...

Carlos Barbosa não tem que se queixar. Se o que resta da rede viária é do século das galeras não tarda que com o cimento que continua a ser semeado só possa chegar à sua propriedade na Quinta da Marinha de helicóptero. Quanto ao mais, pois, deve de continuar a pôr o papelinho nos mesmos ..e

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."

Abrigos precisam-se!

Quem põe na ordem donos de caninos?

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo
Artigo de OPINIÃO Drª Francisca Delerue

Expulsemos as traquitanas