Suspeito de maus tratos ao pai que terá tentado incendiar em prisão preventiva

Segurança

Por Redação
29 abril 2019

Um homem, 34 anos, suspeito de maus tratos físicos e psicológicos de que vinha sendo vítima o próprio pai, foi detido pela GNR, na freguesia de Alcabideche, e viu confirmada a prisão preventiva.
Segundo uma nota divulgada pelo Comando Territorial de Lisboa da GNR, “dos vários episódios de agressões físicas e psicológicas, destaca-se uma situação em que o suspeito ateou fogo à cama da vítima, encontrando-se a mesma deitada naquele momento, tendo escapado através do auxílio de dois vizinhos”.
A vítima dos alegados maus tratos tem cerca de 65 anos, disse fonte da GNR a Cascais24.
O suspeito, com antecedentes criminais por tráfico de estupefacientes, foi detido esta terça-feira no cumprimento de um mandado de detenção, no âmbito da investigação por violência doméstica, informa a GNR.
Submetido a primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Cascais, o homem viu confirmada a prisão preventiva, tendo recolhido ao Estabelecimento Prisional de Caxias, onde aguarda agora o julgamento.
Imprimir


Sem comentários:

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."

Abrigos precisam-se!

Quem põe na ordem donos de caninos?

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo
Artigo de OPINIÃO Drª Francisca Delerue

Expulsemos as traquitanas