Taxista de Lisboa intercetado por especulação pela PSP no Estoril

Atual

Por Redação
13 maio 2019
Um motorista de táxi, de Lisboa, foi intercetado este domingo, à tarde, no Estoril, pela Esquadra de Trânsito da PSP, que o surpreendeu a cobrar ilegalmente três suplementos aos passageiros, tendo sido identificado e notificado para comparecer em tribunal por suspeita de crime de especulação, confirmou, a Cascais24, fonte da PSP.

O taxista, 59 anos, transportava do Bairro Alto para Cascais passageiros, aparentemente cidadãos estrangeiros.

Foi mandado parar no Estoril, durante uma operação de fiscalização de rotina da Esquadra de Trânsito da PSP.

Durante a fiscalização, os agentes aperceberam-se de que o motorista estava a cobrar três suplementos que os passageiros não tinham solicitado, num valor extra de 4 euros.

Depois de identificado, o motorista de táxi foi notificado para comparecer junto dos Serviços do Ministério Público de Cascais.

Entretanto, a PSP alerta a população e, nomeadamente quem tenha necessidade de fazer-se transportar de táxi que esteja atento à tarifa do taxímetro e, em caso, de suspeita a contatar as autoridades.
Imprimir



1 comentário:

Da Serra disse...

Usem a UBER!!!
Não há dinheiro envolvido!
E é bem mais barato!!!

MULTIMÉDIA. SEGURANÇA

A PSP e o Metro recomendam: "Durante a abertura de portas não utilize o telemóvel. Pode ser vítima de roubo."

Abrigos precisam-se!

Quem põe na ordem donos de caninos?

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo

Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo
Artigo de OPINIÃO Drª Francisca Delerue

Expulsemos as traquitanas